As coisas que a gente faz por dinheiro

Eu sempre disse que a Literatura (e por literatura entenda-se qualquer profissão onde você ganhe dinheiro escrevendo) era o ideal para os tímidos. Não era preciso aparecer, nada de palestras, apresentações, poderia até capitalizar em cima dessa imagem, como o Veríssimo, o Salinger ou o Rubem Fonseca. Como já devo ter contado, consegui a proeza de sentar em um ônibus ao lado de um sujeito que estava lendo um livro meu. Ele nunca saberá quem eu era, para mim, perfeito. Anonimato, invisibilidade.

O “pobrema” é que dei uma longa parada com meus livros, e a idéia do blog se tornou bem atraente, por dar retorno rápido, ser excelente em termos de feedback dos leitores e permitir textos curtos (relativamente falando, eu sei) e variados. Tudo que o Dr receitou para meu Déficit de Atenção. E embora todos os meus movimentos sejam friamente calculados, eu me ferrei de verde e amarelo ao não calcular o interesse da mídia “de verdade” nos blogueiros.

Sei lidar com o dia-a-dia, emails, um evento ou outro, mas a coisa está saindo de controle. Enquanto o Edney era o boi-de-piranha da blogosfera, sendo enviado pra todo tipo de reportagem onde precisassem de alguém pra aparecer, perfeito. Mas agora sobrou pra mim.

A última foi a Kátia Arima, que me procurou para uma matéria sobre blogueiros na Folha. Topei, pois ela soube ser diplomática e usou bons instrumentos de convencimento, como demonstra a imagem ao lado.

Pois bem; a matéria saiu. O link está aqui mas só pra assinantes do UOL. Já estou recebendo emails, mas com isso posso lidar. Não dá é pra parar aí. Para fazer a gravação para o Jornal da TVE já foi um parto. Agora tive que recusar um convite para participação em um programa de TV, primeiro por conhecer minhas limitações, segundo por ser ao vivo. Sem experiência de mídia, e ao vivo? Morte certa.

Quem se prejudica nisso tudo?

O blog.

Então temos duas possibilidades: Mantenho o estilo recluso, feliz com o nível atual de visitação e exposição, ou então começo a me divertir com essa coisa de aparecer na mídia falada, filmada e televisada.

Assumindo que eu sou o último a me levar a sério, e não tenho risco de perder o controle do Ego, dada minha megalomania natural, acredito que o ideal é parar de frescura. Opiniões?

Leia Também:

  • Junior

    Voce poderia aproveitar o seus 15 minutos de fama, deixar de ser uma menininha reclusa e mostrar as pernas no domingão do faustão, ou ensinar a blogar no mais voce….

    A globo tá pensando em fazer uma edição do BBB só com famosos, já pensou se eles fazem uma edição ubernerd, apenas com bloggers e compiladores de KDE? Nesse caso, espero que a Bia Kunze também participe.

    =)

  • Ahuahuahuahuahu Junior, essa versão ubernerd do BBB até eu assistiria.

    Mas, Cardoso, acho que sim, você deveria parar de frescura e aparecer na televisão. Quem sabe você não consegue mudar aquela idéia de que blog é um diário eletrônico?

  • Não é só você.. eu também sofro muito com timidez.

  • Mete as cara!

    O máximo que pode acontecer é falarem que vc é a cara do Arnaldo César Coelho…mas pera aí…já disseram isso!

    Ah então não há mais nada a temer!

  • Eu acho que o blog não pode ser prejudicado. Até porque ele é o causador disso tudo. Se der pra conciliar tudo, qual o problema?

  • O BBB seria ótimo, mas teria que proibir o Cardoso de aparecer na piscina de sunga! :-)

  • Cardoso, pára de frescura e bota as caras em tudo quanto é canto. O máximo que pode acontecer é depois de um tempo a mídia cansar de vc, mas vc já tem sua base de lietores fiéis mesmo… Ah, concordo com o Noronha. Não ao Cardoso de sunga na piscina se ele participar do Big Nerd Brasil… Se bem que um Big Nerd Brasil não teria piscina… Abraços…

  • Fernando

    Cardoso, acho que agora é hora de você enfrentar (e superar) suas limitações.

  • Vai lá, mostra tua cara, mede a febre do mundo.

    Em menos de uma ano o blog já vai ter virado vídeo blog ou algo que o valha.

    Hoje se consome com os cinco sentidos. Não adianta lutar constra estas forças, o melhor é usá-las.

  • É uma questão de oportunidade.

    Se você embarcar nessa, vai atrair ainda mais tráfego para cá, mais visitantes, mais exposição. Vai abrir inúmeras portas.

    Caso passe o convite da mídia, irá seguir no ritmo que está, como você mesmo falou.

    Sinceramente, eu pegaria a primeira opção sem pensar. Deixar timidez nos impedir de crescer? Sem chance.

    Confia no seu taco, Cardoso, você é um cara que se expressa muito bem. A não ser que tenha uma crise nervosa no meio do programa, vai dar tudo certo. =D

    Abraço,

    Guilherme
    http://www.papodehomem.com.br

  • Mitchel

    ah, cardoso, deixa de frescura! ;-)

  • Marcelo Macedo

    Faça teatro.

  • Deixa de frescura e tente ganhar algo com toda essa exposição. Depois é só dizer tchau para todos e se mandar com a grana pro Caribe. :]

  • Arrisque…, um pouco.

    O prazer vale o risco.

    Agora…, você pode sifú.

    Mas e daí ?

    Coloque a condição que você somente se apresentará com um copo de Blue Label regularmente substituído quando necessário.

    Sorte meu amigo.

  • Como dizem os protegidos dos direitos humanos aqui no Rio, "BOTA A CARA".

    Pelo que leio aqui, você tem mais a acrescentar do que prejucidar o conceito popular do "o que é Blog??"

  • apesar de ser a 1º vez que comento aqui, eu te digo:

    XÁ DE FRESCURA RAPAIZ! HAHAHAH! Aproveite que a mídia está batendo em sua porta, pois você só tem a ganhar com isso :D É arriscado? É. Mas só saberemos se tentarmos!

  • Pára de frescura. É bom pro blog? Será bom pra você. E pra todo o resto da boiada.

  • Daniel Simões

    Aproveite a oportunidade de exposição espontânea, valerá a pena. Se supere cada vez mais, desafie-se, você pode tudo Cardoso! Minha dica valiosa para você: Assista o filme chamado O Segredo, The Secret, que está em cartaz nos cinemas. Fashion Mall, Ipanema etc. Não se arrependerá. Se quiser, também posso te mandar o DVD de presente. Sucesso!

  • Cardoso!

    Não sou bom com opiniões, mas sair por aqui e por lá é bom para o "Cardoso Inc.", só não deixe seus leitores na mão, já não foi bom naqueles dias em que ficamos quase uma semana sem nenhum post!

    Ah! conhecer "uma" repórter não é tão ruim assim?

    Abraços

  • Contrata um Ghost Blogger. Mas, ao invés dele escrever por você, ele vai nessas entrevistas no seu lugar.

    Se você achar que ninguém pode te substituir nisso, faça que nem naquele filme, e crie uns clones seus. Só tome cuidado pra não virar aquela versão Homer Simpsom :D

  • Gostei da legenda na foto da matéria "Os blogueiros Carlos Cardoso (à esq.) e Edney Souza, que se sustentam com seus sites" fica uma coisa de duplo sentido tipo esses gordos comem muito então imagine os ganhos deles :-P

    Uma dica minha, que também estou acima do peso, enquanto estiver gordo não deixem fotografarem abaixo da linha dos seus olhos porque você dobra de tamanho :)

  • Cara, passa óleo de peroba na cara e vai em frente…

    você já foi fotografado na Av.Paulista x Av.Brig. Luís Antônio com o Notebook aberto… já está mais que pronto para exposição na TV…

    abraços

  • Manda bala! Vai lá!

    Ah… concordo com o Thiago Berti… assim, todo mundo vai conhecer o que realmente é um blog…

    Abração!

    …[:)]…
    http://blog.cronicanet.com.br

  • Kátia Arima

    Olá, Cardoso!

    Ainda bem que você sabe que eu sou ninja!

    Infelizmente a reportagem foi bastante editada. Ficaram de fora muitos blogueiros que entrevistei. Mas isso é bastante comum e nós, repórteres dos meios tradicionais de comunicação, temos que aceitar. Vocês blogueiros não se submetem a isso, certo?

    Aproveite a fama! Vá pro Faustão! Ô loco!

  • Hua hu hua! Cardoso .. eu te falei que isso iria acontecer! rsrs

    Como era o nome daquele cantor que botava o outro para aparecer? Mili Vanili? sei lá a peste!

    Mas arruma alguém bonitão, e claro você fica nos bastidores com o microfone de verdade, é o bom da TV

    Mas pensa só, http://www.contraditorium.com aparecendo nas legendas, vai aumentar o acesso

    Se não fosse essa sua megalomania como diz, e se autoproclamar o 1 problogger Brasileiro, nada disso teria acontecido, se fosse o 2 estaria mais discreto, como o José Alencar

  • Hamadão

    Depois do mico do Fantástico (esse eu acompanhei ao vivo, mordam-se de inveja, neófitos!), o que vier é lucro.

  • Luis Santos

    Aloha Chefe!

    Você supera. Fácil.

    "O poder das mentes mais fortes sobre as mentes mais fracas."

    Não me pergunte como, mas acredito em você.

    Fama? Dinheiro?? Mulheres???

    "If all else fails, immortality can always be assured by spectacular error. "

    Se for partir para o "ao vivo" avisa, pelo menos por telefone!!!!

    Aloha!

  • Por que você não diz que só aceita se for entrevistado no mesmo programa que a Luciana Vendramini? Pronto… assim você fica com mais vontade de ir?

  • Cardoso,

    Na terça-feira dessa semana eu dei uma entrevista para o Jornal da Record. Amigo, não quero passar por experiência tal novamente. Foi muita tensão, nervosismo, gaguejos… resultado tão ruim que só vou divulgar lá no Diário depois que passar na TV.

    Meu blog já esteve em algumas edições online e em papel, nos jornais e na ultima vez, na revista Superinteressante desse mês. Aumento de visitas? Ainda não vi nenhum aumento proveniente dessa exposição.

    Então é bom pensar direitinho. Meu palpite é que tente. E sinta vc mesmo, quanto é ruim poder dizer "Mainhê tô na Grobo".

  • Clériston Dom

    Na verdade, eu acho até bonito esse negócio de reclusão; parece coisa de poeta ultra romântico. Até acho legal que várias pessoas compartilhem a leitura de seu blog. Porém 'várias' não são 'todas', e acaba deixando pra nós um Q de exclusividade… PORÉM, meu querido, você inventou de ser um PROBLOGGER, resolvendo viver (viver = verbo que hoje, em sua essência, quer dizer ganhar dindin pra se sustentar) dos AdSense's da vida. Já foi dito e também repito: maior publicidade, maior receita – a propaganda é a alma do negócio.

    Só espero que você descubra outra receita após uma 'maior' exposição: a de continuar deixando o Q de exclusividade do Contraditorium.

    Abraço, sabedoria e sobriedade (tá complicado, hehehhe) pra você.

  • Sezaum

    Se vc esta pedindo sugestões, acho que deveria melhorar seu mkt pessoal, sua aparencia na mídia.

    Camisa preta na foto (exemplo), fica horrível. Acho que vc tem tudo para dar certo e ser um sucesso fora da rede.

    Abraços.

  • Parabéns para você! Apesar de tudo creio que é uma vitória. Em Portugal as coisas são diferentes: Bloggar é ainda visto como uma actividade de adoloscentes equivalente a estar em chats… ou então local de candidatos a escritores que não consegem editar os seus livros. Ou seja, os blogues são o palco de quem não tem palco! Mas as coisas estão a evoluir!

    Uma excelente Páscoa para vc.

  • Se colocar a Luciana Vendramini do lado, ele se caga todo e tem síndrome do sanduíche-iche-iche.

    Mas se fosse no Faustão não teria problema. Não é ao vivo e aquele bicho não deixa ninguém falar.

    O Sem Censura também é compilado achar uma vaga pra falar. Mas o Roda Viva mata qualquer blogueiro de pânico.

    Bota Cardoso no Roda Viva.

  • Vai lá irmão… não afina não!

  • Pensa no lado positivo… você se destaca na entrevista, é chamado pro Fantastico e ganha milhares de visitantes fieis que vão acompanhar seus blogs diariamente pra seguir você!

  • Olá irmão, Eu já fui professor de informática e confesso que nas primeiras semanas ficava muito nervoso, pois nunca tinha falando em público.

    Depois do passar do tempo fui me acostumando e hoje não tenho problemas em falar de informática em público, pois é um assunto que domino, e como blog é um assunto que vc domina.

    Começe a perder o medo. Vc pode fazer igual a Zeca Pagodinho, beber um álcool antes e já entrar calibrado em cena, é serio perde a vergonha.

  • Pingback: Digital Drops()

  • Mas eu achei estranho não ter visto você dar uma palavra maior com o pessoal no Barcamp. Haviam umas meninas legais no meio da nerdaiada.

  • abre parênteses

    Ninguém ainda usou a foto para fazer montagem com a Hello Kitty?

    fecha parênteses

  • Giovani

    O dia que vc aparecer no programa da Luciana Gimenez… eu nunca mais visito o seu blog.

  • hhuAuhahuahuahuhauhua pelos deuses. Explicar blog pra Luciana Gimenez seria um desafio e tanto.

  • Mônica Pukkha

    Se joga, Carlos, se joga de cabeça! Tenho certeza que você tira de letra. Eles vão fazer umas perguntas genéricas e você dar umas respostas genéricas sobre um assunto que você domina nos minutinhos que isso vai durar e pronto. Afinal, nem é nada tão mirabolante assim. Se eu que sou uma toupeira, consegui, quem dirá você? Divirta-se!

    Tenha em mente tudo que você pode capitalizar com isso. Pense nas viagens, rapaz! Na fama e na fortuna! Nos contatos e acessorias! Pense na Galisteu e na Gimenez! Pense na bitoquinha da Hebe! arrgghhh :) Pense no terno Armani e na BBC! (Olha, que foi uma premonição, heim!)

    E se tudo der errado, o que eu duvido muito, você não faz mais. Só isso. Algumas pessoas podem rir da tua cara por um tempo, mas você já estará ganhando dinheiro com outra coisa, então! rssss

    We are Spartans! We fight!!! Yyoouull!

    PS – Vai, mocinho, senão olha que te empurro!!! Fiquei com vontade de te bater, mas nem adiantava argumentar. Ô homem teimoso!!!

  • Kátia,

    eu que te conheço a tanto tempo não sabia que vc era ninja. Mas gostei da comparação que o Cardoso fez com a GoGo Yabari! hehehehe! Seu poder de convencimento é incrível!

    Abraços!

  • Quando for no programa do Jô avise…

  • SlimDogg

    Sabemos que 99,9% do que passa na TV aberta hoje em dia é lixo. Puro lixo. A TV mostra apenas BBBs e RDBs da vida, Gugus, Faustãos, Lucianas Gimenez, Ratinhos. Exploram a desgraça alheia, cultuam o sensacionalismo, criam uma geração de ostras. As mesmas ostras incapazes citadas no seu artigo "Bostejando na vida".

    O que eu quero dizer é aquilo que você já sabe, caro amigo.

    Conheço gente que assina quinhentos canais pagos, programas de excelente nível, profundo conhecimento, cultura pura. Discoverys da vida, documentários interessantíssimos, mas o infeliz se presta a assistir TV Fama.

    Agora eu te pergunto, é esse tipo de público que você quer aqui?

    Pense muito bem Cardoso, antes de tentar alguma coisa na TV.

    Um bando de deficientes mentais conseguem manter um diálogo muito mais saudável do que esses seres bostejantes.

  • Caro Cardoso,

    Quanto à sua dificuldade em falar em público, coloco-me à sua disposição.

    Iniciei o blog http://www.outrojeito.com.br para passar dicas e informações para quem precisa fazer palestras/aulas/apresentações de modo geral.

    Muita coisa serve pra esse negócio de dar entrevistas.

    Pra vc sai na faixa um coaching sobre o assunto, afinal muito do que estou aprendendo pra colocar o blog no ar veio de vc e outros da blogiosfera.

    O blog está recém nascido mas o primeiro e único comment até o momento veio de uma pessoa que trabalha com o superfantástico Guy Kawasaki (evangelista da Apple, venture capitalist e um dos maiores cabeções na arte de fazer apresentações). Tem um post sobre o sujeito e a cara leu e mandou o comment. Xique!

    So far so good. 1 visita nesta semana (da cara). Recém nascido só com pai mas sem mãe é isso mesmo, eu acho. Mas já pode receber visitas, disse o doutor (eu). Sejam bem-vindos.

    Abraçosnélios

    Milton Yogi
    http://www.outrojeito.com.br

  • Pingback: blosque.com | Top 10 - Blogueiros Que Me Irritam.()

  • Pingback: blosque.com | Top 10 - Blogueiros Que Me Irritam.()