Graças aos deuses nem o Interney nem o Seixas pensaram nisso

Com a moda de sites sociais e web2.0 era natural que a coisa caísse na sacanagem -a mola-mestra da Internet- mas estranhei ter demorado tanto pra surgir uma proposta “séria”. O próprio Sexkut, que começou como piada, poderia ter sido um grande projeto, mas pelo visto o Okut já supria a demanda de putaria online.

Com investimento de um milhão de dólares, o Zivity é uma start-up feita em torno da sacanagem, mas não no modelo tradicional. A idéia: Cobrarão assinatura, US$10 / mês. Cada assinatura dará direito a cinco votos. Você terá acesso ao site, com fotos, etc. Material esse subido pelas modelos e fotógrafos.

Cada vez que você votar em alguém, você distribúi royalties. De cada US$1,00 pago ao site, US$0,80 vão para a modelo e o fotógrafo. Quanto mais votadas, melhor posicionadas as fotos ficam.

A idéia é fazer com fotógrafos e modelos de qualidade exibam suas melhores fotos e RECEBAM por isso. Ao mesmo tempo quem gosta desse tipo de material não vai precisar ficar rodando por milhares de fotos no Flickr atrás de algo que preste.

Aqui neste link temos um vídeo de apresentação do Zivity na conferência do TechCrunch. Cuidado, não clique, o vídeo está cheio de imagens de modelos nuas.

(…)

Já voltou? Legal né? Mas retomando… o motivo desse tipo de Start-Up no Brasil não ser algo que eu gostaria de ver na mão do Inagaki, do Edney ou do Fábio Seixas:

O (improvável) nome dessa ruiva é “Cyan Banister”, ela é co-fundadora, Chief Strategy Officer do Zivity e uma das modelos. Deve ter sido “pra dar uma força”, sabe como é.

Ela aparece em poses sensuais, sem nudez, tipo essa aqui:

De nada, Feliz Ano-Novo pra vocês também.

O ano, aliás só melhora. As fotos “comportadas” dela foram na fase beta do site. Agora que vão ao ar, está prometendo para semana que vem fotos mais liberadas, inclusive com direito a topless, e pode mostrar tudo, no futuro.

Os brasileiros que me desculpem, mas vestir camisa é fácil, eu acho o máximo uma empresária que tira a camisa pela empresa!

Eu quero ver o Bruno Alves faze- não, pensando bem não quero não. Deixa quieto.

Leia Também:

  • Kid

    Gostosinha. Eu comeria sem culpa alguma.

    Feliz 2008, Cardoso. Que neste ano seu iPod Touch nao te de a mesma raiva que deu a mim :(

  • É… Startup é assim, não basta co-fundar, tem que participar! hahahah…

  • Como diria o Borbs, bem Nhui ela. Da pra dar uns fight tranquilo sim.

  • é uma proposta muito parecida com a do site Suicide Girls. Algo no Brasil, feito com profissionalismo poderia até funcionar. Mas, alguém tem que ter o dom de bancar isso com qualidade.

  • Em um país que a sacanagem é valor cultural, não apostaria que pegaria essa idéia… Pornografia, e você paga por ela?

    Excluindo-se os 0,0005% da população tupiniquim que compra músicas pela Amazon e iTunes com fé de que irão para o céu …

    Se morasse na gringolândia eu pensaria no caso, mas estou 100% disposto a negociar com a empresária =D.

  • Realmente se a empreitada fosse minha eu não ia fazer sucesso algum tirando a camisa. hehehe

    Feliz 2008!

  • Flávio Souza

    Aqui tem algo parecido… http://www.asgatasdoorkut.com.br... dá para perder umas horas lá! hehehe

  • Fala sério, a dona da idéia "genial" é fraca toda vida…
    Tadinho do Seixas, se ele abrisse algo aqui nem se sairia tãoooo mal assim! rsrs

    Beijos

  • Eu num gostei dela naum rs… parece eu tentando ter idéias mirabolantes pra explodir meu site rs

  • Cardosito, acho que a blogosfera nacional não tá em forma para nenhuma iniciativa similar. Nem mesmo você. Lembre-se que você já foi visto ao vivo e a cores, não dá mais para dizer que a luz da foto te prejudicou. :)

  • BBB8 em web2.0 é o canal. hahaha

    Até mais.