Não é dessa vez que o Lula me liga

Ataques raivosos contra blogs me divertem. Já me irritaram muito, hoje eu acho divertido.  Quase todos surgem do desespero de ver o mundo mudando e não conseguir acompanhar. São tão insignificantes como o “seu blog é uma droga, fecha isso agora!” que costumo receber de algumas miguxas (notem que traduzi).

Blogs hoje, se não estão mudando o mundo, o estão moldando. Nós somos ferramentas de nicho, claro, mas o nosso nicho não é necessariamente o consumidor do RBD e Só Pra Contrariar, 12-25 anos, classe G e H. Nosso nicho é o topo da pirâmide. Fake Steve Jobs era lido pelo Bill Gates E pelo verdadeiro Steve Jobs. Dane-se que 99% dos usuários de PC não o conheciam. Quantos jornalistas de tecnologia não venderiam a mãe para ganhar uma referência dessas?

No campo político quem vai decidir a próxima eleição nos EUA será a Internet. Os candidatos estão fazendo uso intensivo da rede, ainda mais por terem um Judiciário menos arcaico, obsoleto e octagenário como o nosso, que proíbe candidato de usar até YouTube. O eleitor jovem é a demografia mais volátil e mais desejada, pois é um gerador de conteúdo E replicador, além de formador de opinião entre seus pares, e não falo daquele seu colega de faculdade chato que vivia fazendo campanha pro PCB.

sarahpalinSó que mais que um formador de opinião entre seus pares, os jovens blogueiros estão sendo ouvidos pelos candidatos E pela mídia. Vocês conhecem a Sarah Palin, Governadora do Alaska, candidata Republicana a Vice-Presidente e MILF VPILF de primeira?

Pois é. Esse pedaço de mau caminho conservador mas que gosta da brincadeira (tem 5 filhos!) não surgiu do nada. Foi avidamente sugerida para o cargo por um lobista, de nome Adam Brickley, que vem investindo em sua candidatura desde Fevereiro de 2007.

Adam esteve inclusive no programa do Stephen Colbert, um dos campeões no ramo (inexistente aqui) de “jornalismo humorístico”, com mais de 2 milhões de espectadores na faixa de 18-34 anos, relevante o suficiente para ser chamado e fazer o discurso do Jantar de Correspondentes de Imprensa da Casa Branca, para desespero de George Bush que foi sacaneado até não poder mais.

O destaque aqui é que Adam é um blogueiro do Colorado, tem 21 anos e seu lobby foi feito através do blog Convoquem Sarah Paling para Vice-Presidente.

Yes, ainda por cima Blogspot, nem domínio próprio ele comprou.

Depois que John McCain anunciou que Sarah seria sua Vice, ela e o marido ligaram pessoalmente para Adam, “agradecendo pelo apoio e tenacidade”.

Resumindo: Um blogueiro, com 19 anos à época, inicia um movimento em um blog, indica aquela que pode se tornar a mulher mais poderosa do mundo e é RECONHECIDO por todos os envolvidos?

“Ah, mas ele é um mega problogger que todo mundo conhece”

“Porra nenhuma”, respondo eu. Vejam os dados do Alexa, comparando o blog dele com o Contraditorium:

widgets.alexa.com

O pico é justamente quando ele apareceu no programa do Stephen Colbert. Até então o blog tinha uma audiência ínfima. Mas uma audiência ínfima que incluía os cabeças do Partido Republicano, e cabeças que por mais conservadoras que fossem não descartaram o blog de Adam por ser um blog.

Então, meninos e meninas, da próxima vez que aparecer algum revoltado dizendo que blogs são coisas de aspirantes a jornalista frustrados, desempregados e desocupados, riam na cara deles, com gosto. House diz que arrogância deve ser merecida, e com a ajuda de Adam Brickley, nós conquistamos esse direito.

Aqui o quadro do Colbert Report com a entrevista de Adam, começa por volta do minuto 5:

Leia Também:

  • Porra Cardoso…. belo texto.

    Sim, existem muitos blogueiros bons, mas.. infelizmente, existem muitos mixugos. Como em toda área… sempre tem um caveirão.

    tenho um blog, ele é novinho, apenas um bebê de 1 mês… No entanto, pretendo fazer com ele o que faz com o teu… OBTER SUCESSO… E escrever coisas relevantes, algo que faça valer apena ter um blog…. Algo que traga informação importante ao leitor.

    Claro que sou novato no ramo (de escrever), mas já participo da blogosfera a muuuuuito tempo.

    Grande abraço, e os blogs são a revolução que faltava…

    Monthiel

  • Acho que esse papo de criticar blogs e seus autores é de gente que ainda não entendeu a força que blogs de qualidade podem ter, é igual os malucos que negavam que a terra era redonda.

  • Olha aí, ó, Cardoso: o Monthiel é um desses blogueiros predestinados a dominar o mundo. Se o Lula ainda não pegou o fone dele, o Franklin Martins já deve estar providenciando.

    • heheheeh… ainda não…. só quando eu comprar o Google, que não vai demorar muito.

  • Cardoso, o Paladino da Blogosfera!

    Lutando para defender a atividade bloguística!

    Seu próximo passo será a criação de um código no Ministério do Trabalho para a profissão de blogueiro. A profissão mais antiga do mundo já foi reconhecida pelo MTE, e espero que a mais nova não demore tantos mil anos para dar direito aos benefícios previdenciários.

    Sucesso!

  • (Não sei se alguém já deu essa dica, mas em todo caso)
    Adivinha qual é a a boneca mais vendida da última semana… http://tinyurl.com/5mcbwf

    destaque para a versão "heroína" com revolvér na perna (e que perna)
    no melhor estilo republicano

  • É muito bom pensarmos em termos da qualidade da audiência com o nosso objetivo, em vez de quantidade!

  • Aloha Chefe!
    Vai começar campanha pela Dilma?
    Para sucessora de Primeiro Molusco??
    Se não, ele não te liga mesmo…
    No máximo, coloca uns grampos no seu e-mail, i-phone, blog…
    Aloha!

  • Pingback: Blog com público pequeno e qualificado « meuslinks()

  • As pessoas criticam os blogs porque estes fogem dos padrões. Blogueiros escrevem sobre o que querem e quando querem, e isto incomoda as pessoas. Pode-se até dizer que as pessoas que não conhecem blogs tem medo.
    Lá fora já acordaram e estão vendo que nós blogueiros somos o futuro e temos muito mais poder colaborativo.
    Quanto ao Brasil, bem… este todos já conhecem não é mesmo!?

  • Mario Mota

    "Blogs são coisas de aspirantes a jornalista frustrados, desempregados e desocupados, riam na cara deles, com gosto."

    Ahhhh Cardossão, até parece que você não é mestre na arte do ócio ;)

  • Concordo com o Evandro.
    Hoje mesmo, conversando com um amigo da faculdade, ouvi esse papo. Mas o presente está aí, o espaço já foi conquistado.

    Abs

  • Totally MILF, acho que nem o Obama discordaria…

  • Bem dito Cardoso. Hoje mesmo estava eu andando pelas ruas de BH, ouvindo podcast, quando em frente ao Palácio das Artes, no qual você teve um encontro com Deus há poucos dias, um bando de isentos (obrigado Morróida, pela qualificação) munidos de bandeiras e panfletos me aborda. É num candidato que contrata esta muvuca que querem que eu vote? Nem pensar. (Ainda mais que passado o bando, tive que retroceder o áudio que ouvia).
    E é provável que o mentor desta baderna se eleja e pronto, mais um com a mentalidade da velha mídia no poder.
    Que o LHC, que num tem competência para criar um buraco negro que resolva esta bagunça, gere muita anti-matéria que possa ser armazenada (lembram do Angels and Demons?) rsrs…

  • Cardoso,

    Isso me lembra um papo que tive com a Clara Gomes (Bichinhos de Jardim) esse semana. O importante não é ter vários acessos, milhares de leitores, mas sim fazer um bom trabalho para aqueles que realmente querem te ler – o seu nicho.

    Feito isso, sempre, reconhecimento chega todo dia!

    Um grande abraço,

    .faso

  • Um pouco de noção política + Sorte + Sorte + Sorte.

  • Pingback: O Lula não ligo? | KBRITÃO()

  • Tenho um amigo que é deputado estadual eleito por São Paulo, em conversa recente ele me disse que antes de iniciar seu expediente, acessa o alertatotal.blogspot.com pois na opinião dele, a informação chega muito mais rápido que na Veja e é menos lapidada, além de ter acesso aos comentários dos leitores do blog, que refletem parcialmente a opinião do eleitor.

    Em relação ao Judiciário arcaico, obsoleto e octogenário que temos, é só ver o exemplo de quando alguém entra com processo em relação a vídeos no YouTube, geralmente os nossos magistrados tendem a querer bloquear todo o acesso ao site e não apenas àquele vídeo do processo, como foi no caso da Cicarelli. Este tipo de atitude mostra claramente que há o desconhecimento total de como funciona a internet.

    Outra questão é o projeto de lei do Azeredo, que até deveria ser tema para o Cardoso comentar uma vez a cada quinzena pelo menos.

    Abraço a todos

  • Nando

    Diz aí então, Cardoso, quem você quer na vice-presidência do Brasil? Ou então quem poderia ser vice prefeito do Rio? hehe.

  • Não sou ingênua a ponto de achar que meu blog vai mudar o mundo, mas se vc pensar na 'Ópera toda' e não tão-somente num instrumento isolado, verá que esse tipo de mídia (cada vez mais acessados) tem sim poder de influenciar a opinião dos leitores.

  • Pingback: Posts geniais que vi esses dias (para tapar buraco, óbvio) | Pois Bem...()

  • Cardoso, muito bom texto!
    Vale lembrar que todos os leitores de um blog são uma audiência fiel, mesmo que sejam meia dúzia de leitores. E que se assinam seu rss (ou freqüentam seu blog), eles te dão ouvidos e pararão para pensar nas suas palavras!
    Felizmente, aqui no Brasil o pessoal está começando a compreender a força que os blogs possuem (menos a Abril, que pensa que entende), mas ainda existem um graaaaande caminho a ser traçado.
    Parabéns mais uma vez e continue a inspirar blogueiros com seus posts ;)

  • Acredito que o judiciário iniba o uso da internet por parte de políticos e candidatos para poupar trabalho. Já "sofrem" com os métodos tradicionais e que mal conseguem combater, que o diga ter que investir em TI num modelo arcaico liderado por juízes que sequer tem coragem de admitir que são leigos em lago (é muito mais fácil proibir o uso do que descer de seus olimpos).

    Sobre a opinião dos blogueiros valer alguma coisa, ainda faço ressalvas. Existem blogs de opinião e de nicho fantásticos, cuja opinião (mesmo que muitas vezes discorde, mas ainda assim exemplos claros) mas que são ilhas num mar de sites-armadilha ou blogs ctrl+c/ctrl+v o que em um país com uma imprensa como a nossa são pratos cheios quando querem citar exemplos de coisas idiotas para desmerecer algo. =/

  • Jule

    Parabéns pelo texto… Ele me lembrou que uma vez comentaram em um dos meus textos, dizendo mais ou menos isso: que eu só sabia escrever, e o que o mundo realmente precisa é de ações. Fiquei abatida por pensar que a força da palavra pode ser tão desconhecida, subestimada. Acredito que seja por pensamentos assim, que hoje ainda temos guerras, onde a "ação" supera a palavra. Bjo

  • Caramba, Cardoso.

    "da próxima vez que aparecer algum revoltado dizendo que blogs são coisas de aspirantes a jornalista frustrados, desempregados e desocupados, riam na cara deles, com gosto."

    se eu continuar lendo você é capaz até de eu perder o medo de ter blog de novo e me jogar de vez.

  • O pico do cara já faz muita gente parar de ler ali mesmo.

  • Pingback: Orkut é mais popular do que a busca do Google :: Urra!()

  • Não é de agora que eu acredito,e muito, no poder da blogosfera, blogagem coletiva, marketing viral, de guerrilha etc…
    Conheço blogs que são muito influentes, inclusive em formação de opiniões importantes como as eleições atualmente.
    Quanto à proibição do uso de comunidades e sites de relacionamentos para divulgação das campanhas eleitorais, eu só tenho a agradecer, pois já é um saco enorme, ter que aturar o horário político (que de certa forma é um crime). Imagine você recebendo scraps, videos e os cambaus desse monte de marmanjos querendo um pedacinho do bolo. Terrível, sem contar que nada disso muda minha opinião em relação a quem votar ou não.
    Abraço !

  • Pingback: Aeromovel a alternativa esquecida « Periscópio()

  • Pingback: Eleições 2008 » Um-byte()

  • Grande Cardoso, "Are You the Guy???". kkkkk

    Como sempre mandou muito bem, te parabenizo pelos excelentes textos, e é por isso que eu acredito nas especulações podendo até afirmar que Blog é sinônimo de o 5º Poder, os outros que se roam de inveja.

    Bem, a visibilidade do Adam foi realmente impressionante, exponencialmente elevado ao exponencial ao quadrado.

    Saúde, graça, paz e sucesso!

    Bem, sucesso você já tem, de qualquer forma lhe desejo o resto.

    Um grande abraço,

    Moura

  • rdt

    Aiai, pelo visto vai ser difícil pro Cardoso entender que os blogueiros têm sim importância, mas que um blog nunca vai ter a importância de um programa de televisão ou de um jornal de grande circulação. Essa postura de "nós somos o futuro, o resto é porcaria" me irrita profundamente…

  • Pingback: eduardonunes.org - comunicação, cultura e jornalismo 2.0 » “Blog”, de Hugh Hewitt:()