Quer investir US$6 mil e faturar US$41 milhões? Sugiro uma mina chilena

Quando o Buraco do Kassab abriu e engoliu metade de São Paulo a Red Bull tentou uma ação de Marketing de Oportunidade (hoje chamam de emboscada, guerrilha, terrorismo, sei lá) distribuindo seu energético para os socorristas, trabalhadores da obra, todo mundo envolvido na operação de resgate.

A iniciativa é legal, Red Bull é responsável por boa parte dos softwares usados no mundo, o produto funciona e pode significar a diferença entre um socorrista sonolento e um cansado mas atento, ouvindo uma vítima presa sob uma laje (pra piorar, com uma churrasqueira por cima fazendo peso, provavelmente)

Tinha tudo pra dar certo, mas a agência resolveu morder mais do que conseguia abocanhar e mandou um bando de gostosas com roupinha promocional, barraquinhas e o escambau. De Repente, Não Mais que De Repente o que era (de verdade) uma iniciativa super-legal que realmente ajudaria os envolvidos com o resgate ficou parecendo uma tentativa barata de faturar publicidade gratuita em cima da tragédia (o que também era verdade, bem-vindo ao mundo real).

Agora no Chile vimos a História se repetir, mas dessa vez se repetiu direito. Sem o deslumbramento dos emergentes os marketeiros envolvidos fizeram TUDO direito.

Bem antes dos mineiros serem resgatados foi lembrado que eles estariam com as retinas sensíveis, depois de 2 meses em condições mínimas de iluminação. Seria imperativo que eles protegessem os olhos, pois na superfície estariam cercados de holofotes, metafóricos e reais.

Entrou no circuito a Oakley, que prontamente se ofereceu para fornecer na faixa óculos para os 33 mineiros.

Não há o que discutir, os óculos são fodaços, produto de primeira linha. Oferta feita, oferta aceita.

Sem fanfarra, sem gostosona da Oakley, os mineiros receberam pela cápsula os óculos. Foram 33 Oakley Radar, no valor individual de US$180,00, num total de US$5.940,00.

O resultado foi que os mineiros saíram completamente protegidos, mais estilosos que o Bono, seus olhos imaculados e em todos os jornais, sites, programas de TV do mundo, uma história vencedora que se estenderá por muito, muito tempo. Não é preciso setinhas (aprendeu, kibe?), todo mundo vai comentar e todo mundo vai querer “os óculos dos mineiros chilenos”.

Um cálculo da exposição conseguida pela Oakley coloca a mídia gratuita num montante de US$ 41 milhões.

Só para dar uma idéia, a operação inteira de resgate foi avaliada em US$ 20 milhões.

NINGUÉM em sã consciência vai acusar a Oakley de se aproveitar da tragédia para divulgar sua marca (por mais correta que seja a afirmação. De novo, bem-vindo ao mundo).

A lição é que é possível conseguir resultados absurdamente bons investindo muito pouco e ousando muito, só é preciso determinar o ponto exato em que a ambição se torna ganância, e parar um milímetro atrás.

De resto, uma imagem vale mais do que 461 palavras:

Leia Também:

  • Igor Vinicius

    Moral da história: senso de oportunidade é tudo!

  • Heitor

    Cardoso, quando li esse post lembrei do David Villa jogador do Barcelona que doou duas camisas autografadas porque seu pai e avô foram mineiros e conviviam com os mesmos perigos. Dai alguém do Real Madrid resolveu apelar e enviar camisas autografadas por todos os jogadores e consoles Playstation portáteis. As camisas tenho certeza que chagaram aos mineiros por que em outra reportagem constava que uma delas focou com Franklin Lobos que foi jogador profissional de futebol, agora os presentes do Real…
    http://www1.folha.uol.com.br/multimidia/videocast

  • André

    Humm.. Eu só soube que os óculos eram da Oakley por causa desse post. Do alto da minha ignorância estética achava que eram algum tipo de óculos de proteção à la soldador.

  • Legal! Agora mesmo vou ao shoppping comprar o Oakley dos Mineiros, ou seria Oakley dos chilenos? Chile Beans ou RaiPandikeijo? hehe

  • Pingback: Tweets that mention Quer investir US$6 mil e faturar US$41 milhões? Sugiro uma mina chilena -- Topsy.com()

  • Claudio Marcelo

    Eu notei que os óculos eram bons e fiquei pensando qual foi o fornecedor. Só não sabia que a jogada tinha sido tão boa.

  • Uber

    Também só agora que estou sabendo que os óculos são da Oakley!

    Bem que achei estranho eles não terem usado simples óculos de soldador.

  • pois é, também não sabia que os óculos eram da oakley. mas o que importa é que agora que sabemos, sabemos também que a jogada foi boa e não um fiasco.

  • Bem que algumas pessoas falaram dos óculos estilosos. Eu não reparei muito, achei que eram óculos de segurança mesmo.

    "Red Bull é responsável por boa parte dos softwares usados no mundo" piada interna de programador? rsrs Boa!

  • Isso é verdade, muitos só saberão que a marca é essa pois existirão matérias falando sobre a "jogada" feita pela empresa.

    No caso do Red Bull não, a lata é reconhecida de longe.

    No óculos tem que ver com close. :)

    (ou ser viciado no negócio, hehehe)

    Mas não há sombra de dúvidas: Uma oportunidade de ouro !

    (mesmo achando que lá era mais cobre do que ouro … mas tudo bem)

    • Porém levando-se em consideração o valor investido e o retorno…

  • Júlio C&eacut

    O primeiro reality mundial tinha que ter o seu patrocinador…

  • Sandro Caiado

    Eu tinha visto o nome Oakley nos óculos, até porque gosto as pampas dessa marca, assim como tinha Coca Cola em alguns casacos do pessoal responsável pelo resgate.

    Não tinha imaginado que foi uma ótima sacada da Oakley, parabéns para esse pessoal super criativo!

    []s

  • Foi a proposta de marketing mais bem sucedida que já tive informação até os dias atuais. Mandaram muito, muito bem.

  • Rubão

    A iniciativa é legal, Red Bull é responsável por boa parte dos softwares usados no mundo,

    Não entendi essa parte Cardoso.

    • Davis

      É porque muito programador funciona à base de Red Bull, camarada. Sacou agora?

    • Leia acima.

  • Charles

    Outro exemplo, aqui em Blumenau e região na tragédia de 2008 a Vivo dou celulares com ligações livres entre eles, para todas as equipes de resgate, ajudando em muito a coordenação dos trabalhos.

    Até+

  • Ótimo post, mostra como a criatividade é essencial sempre e cada vez mais.

    Não vejo puramente como oportunismo, mas qual era sua missão? o que sua visão determinava? neste caso a oakley mostra doando os óculos que se preocupou com aqueles que lá estavam, a estratégia está intrínseca na ação, verdade, mas os principios nortearam o "merchan".

    O valor de se preocupar com o próximo "protegendo sua visão" foi bem implicito.

    Acredito então que antes das empresas se preocuparem em aproveitar apenas um momento de exposição, é essencial que elas se reconheçam, quem somos? onde estamos? o que queremos?

    Dessa forma as estratégias irão permear o conjunto que representará bem a marca.

  • Por uma Publicidade socialmente responsável. Faturar sobre tragédias mostra a que pontos chegamos na saturação dos chamados valores humanos. Nem todo tipo de propaganda é maléfica, sabemos da importância das campanhas voltadas para a prevenção de doenças, acidentes, etc. O que não se pode é distorcer a realidade, vender gato por lebre, alienando o consumidor sobre a real dimensão de um problema ou sobre as efetivas qualidades de um produto.

  • Uma ação dessas vale 41 milhões e, não obstante, um post do Cardoso.

  • Alguns marketeiros são realmente sensacionais!!!

    Oakley, Red Bull, PT…

  • Marcela Chagas

    Nossa, fico imaginando os marketeiros pensando em uma forma de promover o seu produto nessas situações, as mais adversas possíveis. E eles pensaram bem hein! Cada óculso combinava com cada face de cada minerador lá resgatado…

    E virou uma marca "Óculos dos mineradores".

    Muito bem pensando e apesar de ter sido m momento trágico, foi muito bem aproveitado, o mundo inteiro vendo na tv os mineradores resgatados com o óculos da oakley.

  • …e de repente todos se lembram dos mineiros.
    Pena que na China onde morrem aos milhares todos os anos, tudo continua na mesma.

    Ah… ganhou a Oakley…e ganhou o presidente do Chile uma reeleição garantida.
    A exposição também se contabiliza em votos, não só em dollars.

    Gostei muito do post e do blog ; )

    Dêem uma olhadela no blog dos meus cartoons http://cartunesblog.blogspot.com http://www.zazzle.com/cartune*

    Obrigado e um abraço.

  • O melhor exemplo de sucesso ao aproveitar um hype.

  • Ótimo post, bom senso é sempre bem vindo!