#horadoplaneta pra ecobobo chorar

Se há algo que prejudica a conscientização ambiental são os ecobobos. Conseguem ser piores que os ecochatos, pois esses ao menos fazem alguma coisa, por mais precipitada e insignificante que seja. Já os ecobobos são a versão WWF das fãs do Justin Bieber. Adoram uma aglomeração, sofrem da necessidade de fazer parte de algum grupo (e assim se sentirem legítimos) e acima de tudo sofrem de profunda preguiça física e mental.

Esses representantes do sofativismo AMAM datas, dias e eventos, de preferência quando se resumem a tags no Twitter. Assim sem mexerem seus traseiros gordos podem expor toda sua indignação recém-descoberta sobre algo que nunca haviam pensado (ou procurado pensar) 5 minutos atrás.

Pior, saem atrás dos hereges brandindo foices metafóricas, gritando slogans e explicações rasteiras de como seu protesto é mais que um gesto vazio, é fundamental e significativo.

Não é. Você não vai mudar o mundo com uma tag do Twitter. Não vai acabar com o aquecimento global dizendo que ele é chato feio e bobo. Não vai acordar num paraíso de pôneis e unicórnios por ter apagado uma porra de uma lâmpada durante uma hora.

E não, não compro isso de “é simbólico”. Símbolos sem atitudes são irrelevantes. Suásticas existem desde Roma, mas se Hitler não tivesse matado 6 milhões de judeus e dois palhaços elas JAMAIS teriam a conotação maligna que têm hoje. Um bando de ecobobos dizendo que vão apagar uma lâmpada e enchendo o saco de outros tantos ecobobos não significa NADA. É tão vazio quando eu dizer que vou acabar com o racismo através do simbolismo de beber Nega Fulô ou comer pé de moleque, o que por si só é racista, ninguém falou que o moleque em questão era pretinho, no máximo moreno.

Quer entender mais sobre ecologia e o porquê dessa coisa toda de Hora do Planeta ser uma grande palhaçada? Acompanhe o Twitter do Luiz Bento, eu acredito que um doutorado em ecologia pela UFRJ valha mais que uma pré-teen histérica no Twitter dizendo que o mundo todo vai apagar e salvar a Terra.

Leia Também:

 

Minha parte, estou fazendo. Como protesto por essa palhaçada cujo único propósito é aliviar culpa burguesa de desocupados, que amanhã voltarão a ligar o ar-condicionado no máximo para poder dormir de edredon, vou matar alguns bebês-celacanto afogados: O link abaixo é uma webcam transmitindo ao vivo uma lâmpada incandescente de 100 Watts apontada para a parede.

Junto o iPad, consumindo energia mas com a função de mostrar a hora e evitar acusações de que estou transmitindo apenas uma foto e secretamente salvando o planeta.

a transmissão começará 18h 19h,  enquanto isso assista George Carlin dizendo tudo que penso sobre ecohisteria.

 

Free TV Show from Ustream

Leia Também:

  • preciso fazer a piadinha… "porque 2 palhaços?"

    • Cristiano Web

      Endosso o coro! "porque 2 palhaços?"

  • kkkkk, já tá virando tradição esse broadcast!

  • toninho do diabo

    É o tipo de coisa que serve pelo menos para separar os idiotas do resto. É como usar pulseira power balance, ouvir axé music e ler revista de fofoca, separa o joio do trigo para mim.

    • Gusmao

      Vc demonstrou ser muito criterioso ao falar "axé music", pq eh td igual… Sim, estou sendo sarcástico!

  • Anderson

    Bom mesmo, é salvar o mundo com "xixi no banho".
    Mas nenhuma "iniciativa" dessas é capaz de alcançar a magnitude da hipocrisia contida em um simples hambúrguer de soja…

    • Concordo totalmente com você. Entretanto, o problema nunca é a soja.. é quem se alimente dela.
      Eu adoro "proteina vejetal desidratada", mas os vegans insistem em chamar aquilo de carne de soja e enchem o saco das pessoas querendo empurrar aquilo nos carnivoros como substituto da Carne.

      É tão absurdo como querer jogar Frets of Fire como alternativa ao Guitar Hero.

    • Xixi no banho deixa mal cheiro no ralo, hahahahahha Lugar de mijar é no vaso – e, no carnaval, na rua, já que as prefeituras não dispõem de pipis móveis!

      • Sempre faço xixi no banho, e lavo o banheiro duas vezes por semana. Cheiro de flores do campo.

    • SalomãoSS

      Já que xixi no banho funciona, façam o contrário: tomem banho na privada! Tem nego que já bebe daquela água mesmo, por que então não tomar banho também? E outra: quantas vezes um brazuca típico toma banho e quantas vezes ao dia o mesmo sujeito mija? Então tá, faremos xixi só 2x ao dia e com isto salvaremos o mundo!

  • Rafael Duarte

    Pô Cardoso, eu aqui esperando pra ver o já tradicional broadcast da lâmpada, e você adia o início em uma hora… É pra casar com o início da palhaçada?

  • Ana

    Que seja hipocrisia um vegetariano comer hambúrguer de soja, só acho que cada um come o que sentir vontade coisa que não está sendo discutido aqui. Afinal, porque tanto incomodo com os vegan/vegetarianos?
    Hipocrisia mesmo é dizer "vamos apagar as luzes tal hora pra salvar o planeta" tá bom, agora senta lá. Como isso vai resolver alguma coisa? simbólico de c* é r*** se é que me entendem….

    • Gusmao

      O problema não é comer o quer. Cada um faz oq quer. O problema eh o discurso…

    • Caal666

      Se eles comessem e ficasse na deles, tudo bem.
      O que incomoda é que eles comem e quer que todos ao seu redor comam também!
      Quanto ao texto do Cardoso, exelente, como sempre.

      E, já que ninguem teve coragem de perguntar (não seriamente), eu coloco minha cara a tapa pelos que, que nem eu, não entenderam a piada:
      Por que dois palhaços?

      T+

      • whatever

        <piada
        Hitler está numa reunião com os seus oficiais e manda entrar um soldado que está à porta.
        O soldado entra e Hitler diz-lhe:
        – Vou mandar matar milhões de judeus e dois palhaços. Que te parece?
        – Bem, quer dizer… Não estou a perceber o porquê de matar os palhaços…
        Hitler vira-se para os oficiais e diz:
        – Eu não tinha razão? Ninguém vai perguntar pelos judeus! /piada>

        Desculpa Cardoso, mas tem muita gente perguntando.

    • É o mesmo problema da religião, mesmo problema de um monte de coisa, eu faço X, você faz Y, BURRO! faça X, é melhor, maior e mais gostoso, não quero saber se você prefere Y, x é melhor.

      Odeio evangelizadores, seja do que for.

      Agora ninguém vê o Tom Brad fazendo propaganda do que ele tá comendo e oferecendo para todo mundo aquela delicia.

  • Cardoso, Cardoso. Bem ou mal sempre acompanhei o Contraditorium. Assino o feed há anos, aprecio seus textos. Essa semana cê mencionou aquele post de 2006, que foi mais ou menos quando comecei a acompanhar. Foi relembrando que ponderei sobre o contraditorium naquela época e hoje. Fiquei com uma impressão que agora acabo de confirmar. Um padrão repetido: seus posts de uns meses pra cá parecem ser de um tipo principal e outro derivado: reclamar de X / reclamar de X, apontando como Y é muito melhor [respectivamente]. Nada contra, though, já que esse comentário é mais uma observação do que uma crítica. Junto com uma pergunta: você tem consciência disso? Usa como uma fórmula tried&true ou acabam saindo assim por serem apenas parte do Cardoso way of writing?

    • Felipe Mesquita

      Por que tantas english words? =\

      • Quer se mostrar wizard, ou fazer propagada da mesma, sei lá.

  • "Ato simbólico" é a nova lei de Godwin.

    Virou a desculpa perfeita para "movimentos" e "protestos" inúteis, que não servem para nada, que não vão ter resultado nenhum e que só servem para a pessoa "aliviar a cosciência" e sentir que "contribuiu para um país e um mundo melhor".

  • Não vamos cometer o mesmo erro dos dinossauros… Vamos acabar com a Mãe Natureza antes que a Mãe Natureza acabe conosco! http://ilustrebob.com.br/2011/03/grande-marcha-da

  • Não poderia perder essa data memorável e o tradicional streaming. Também fiz a minha parte: http://twitpic.com/4doevc.

  • Algumas certezas da vida. Os preços irão sempre subir, os políticos sempre serão sem-vergonhas e o cardoso sempre vai acender a lâmpada incandecente da hora do plante anualmente.

  • Acabou. :(

  • julio

    A grande mídia mundial pegou essa 'Hora do Planeta' e fez dela uma festividade, mostrando os pontos turísticos mundiais antes e durante a 'Hora do Planeta'. Lindo, não!? Nenhuma reflexão do porquê apagar as luzes. Hoje a verdade é que engolimos superficialidades.

    Assisti um documentário sobre a história do Greenpeace e aquilo sim era abraçar uma causa e agir para acontecer. Arriscavam as vidas jogando botes infláveis contra imensos navios caça baleias, lutavam contra os testes nucleares no Atol de Mururoa ancorando seus navios no local dos testes, etc. Incomodavam grandes corporações e governos. Muitos desses protestos tiveram efeitos positivos.

    Vendo hoje como as pessoas abraçam uma causa como esta 'Hora do Planeta' sinto que o futuro da sociedade/planeta está em risco.

  • Concordo com o texto. As pessoas precisam acreditar em algo, seja numa divindade quântico-magnética de energia cósmica, seja em 2012, ou em OVNIs. Esse conjunto de "verdades inconvenientes" ecobobas montam um sistema de crenças cujas ações não se resumem somente a ficar pelado na rua ou postar vídeos toscos de argumentos fracos. Hoje existe toda uma indústria do "sustentável" e do "ecologicamente correto" lucrando milhões, e nem sempre sendo amiga da natureza: em Floripa e região, p. exemplo, vejo condomínios "sustentáveis" que aproveitam água da chuva, bla bla bla, mas que foram construídos sobre mangues e florestas.

    Esse conjunto de crenças obscurece a realidade e reduz a capacidade de reflexão por parte dos "adeptos". Esses não enxergam que essa babaquice ecoboba só serve pra desviar a atenção, criando um senso comum cujas ações inúteis afagam o ego e diminuem a culpa, e cujas críticas a ele soam como um sacrilégio.

    Uma pesquisa recente afirmou que as populações do mundo "desenvolvido" estão cada vez mais se afastando da religião. Como, se o (eco)mércio ganha cada vez mais adeptos?

  • Gusmao

    Isso me fez lembrar aquele protesto contra a pedofilia, trocando o avatar das redes sociais/IMs por personagens de desenho infantil. Isso deve ter dado muito resultado! :-S

    • Comparado a esse protesto contra a pedofilia, eu sou muito mais a Hora do Planeta. :)

  • Acho que isso só serve para quem nunca fez nada ter uma falsa impressão de que fez alguma coisa. o pior é você ouvir , "eu ajudei fiquei com a luz apagada na hora do planeta", mas essa mesma pessoa joga lixo no chão, compra madeira irregular, desmata e faz todas as outras coisas que não ajudam de fato o planeta!! é só parar pra pensar!!

  • Eu sou contra esses ativistas por um dia, ou por uma hora, nesse caso. Não acho que isso sirva pra conscientizar, a pessoa provavelmente vai pensar "opa, deixei a lâmpada apagada por uma hora, ajudei o mundo, amanhã já posso tomar o meu banho de uma hora". Acho que a conscientização deve ser feita no DIA-A-DIA. As pessoas deveriam aprender a economizar energia elétrica e água sempre que possível.

    Sou contra aquele dia sem carne também. Sou vegan, mas não fico mandando ninguém parar de comer carne. Me deixe em paz com a minha soja e eu te deixo em paz com o seu churrasco. Os veganchatos me incomodam mais do que incomodam vocês, porque eles fazem as pessoas terem um preconceito comigo achando que eu sou chata. Penso que se os vegans não incomodassem tanto as pessoas, talvez elas tivessem menos preconceito com vegans e sua comida. Tem comida vegan boa, sim. É só parar de querer que vejam tofu como "substituto da carne".

  • "A hora é essa? E que hora é essa, depois de tantas outras que dedicamos a nos destruir sem escrúpulo algum e como assim você quer que eu dedique essa pra voce pobre terra. Pobre porque eu roubei tudo de voce!" – Do blog http://oteddynaoeumurso.blogspot.com/ achei interessante e a ver com o post daqui..

  • licedoa

    Concordo com você. Nessas datas como a Hora do Planeta sempre tem um blog ou outro que eu comento e acabo sendo até mal educada por expressar a opinião porque é idiota achar que só uma hora vai fazer alguma diferença e não vai. Vai fazer a diferença se todo mundo, sem excessões, parar de poluir, usar a energia de forma correta, parar de consumir desenfreadamente. Essas coisas parecem dieta! É um dia só e depois volta a ser uma MER….
    =1

  • "Como vê, estou sempre tentando salvar o planeta"; disse Jeff Goldblum, jogando uma lata vazia de Coca-cola na lixeira de reciclagem, antes de embarcar na nave junto com Will Smith e partir para detonar os aliens no auto-planeta deles (leia-se: para exterminar uma brilhante civilização… homicida, sim, porém, brilhante.)
    Motivo de citar um filme?
    Simples. Não adianta fazer posse de salvador do planeta, perante a tragêdia maior que está por vir, como já veio (por citar a última) no Japão.
    Não teremos Jeff Goldblum nem Will Smith para nos salvar. Eles são atores.
    Longa Vid… ah…. Vida Próspera!

  • Kohl

    Nunca botei muita fé nessa iniciativa, mas sempre pensava, "melhor isso que nada".
    Mas tb nunca apaguei luz nenhuma…
    Mãããssss, depois de ler esse texto me toquei de um grande lado negativo isso nessa história toda… apagar a luz, se juntando a um grande ato mundial de "salvação" do planeta tira um peso da consciência dos bundas moles(me incluo no grupo) assim nos acomodando ainda mais… ponto pro SIST.
    Um termo inglês define bem tudo isso… Impurretion com a barrigation.
    Nada vai mudar sem uma grande revolta.