Cardosopalooza’07 – relatório de viagens

3 vôos e nenhum Legacy…

Para desespero dos que esperavam justiça divina, karma ou mesmo ironia do Universo, estou de volta. Meio envergonhado, pois o que seria um diário de viagem e uma vitrine de tecnologias móveis se mostrou um fiasco. Conectividade zero. Cinco dias sem postar – como comentou o Ramon – lendo email só no final da viagem, esquecendo a senha dos blogs, deixando os trolls à solta…

Mesmo assim valeu cada minuto desconectado. Descobri que o mundo dos blogs é muito mais compreensivo que a maioria das empresas. Da última vez que fiz uma besteira dessas, de viajar e matar trabalho, foi um perrengue. Sorte que o Ricardo Rodriguez era um chefe pra lá de compreensivo e adorava ser coadjuvante de comédia romäntica da Meg Ryan. (um dia conto em detalhes, aguardem minha autobiografia não-autorizada)

Adiante, algumas das conclusões que tirei da viagem…

1 – A Casio faz máquinas excelentes – Minha Exilim Z750 saiu de casa sexta-feira dia 23, voltou terça dia 27 e nem deu sinal de desgaste na bateria. Fazendo filmes e tudo. Devem usar Plutônio, ainda bem que desde 1985 que compramos Plutônio até em farmácias. Só levo o carregador dela na mala de teimoso. Realmente não é necessário.

2 – A TAM não cai tanto assim e o serviço de bordo não é mais a maravilha de antigamente. Só vi sanduíche-iche-iche em um dos vôos, e foram 3. Por outro lado eles caem bem menos do que a imagem popular da empresa passa. Também podem ter vôos bem baratos, basta pesquisar.

 

Bastante combustível pra fazer cabum, e um airbus,
aquela porcaria francesa. Combinação explosiva.

3 – A Segurança nos aeroportos é pífia. Minha mochila tem equipamento eletrônico suficiente pro mcGyver montar uma bomba nuclear que o Jack Bauer teria dificuldade em desmontar, e passa direto. Ao mesmo tempo tem gente que consegue ser burra o bastante pra ser parada. Saindo de Congonhas, um sujeito tentou passar no raio-x com um canivete.

4 – Brasileiro é bicho MUITO porco. Dois sentaram em uma das mesas na sala de embarque em Congonhas, do lado de um Café. Havia dois pacotes de açucar na mesa. O rabicó simplesmente deu um safanão e jogou os dois pacotes no chão. E essa gentalha vota pra Presidente.

 

O lixo no chão e os porcos que o jogaram

5 – Um celular funcionando, com SMS é bem mais rápido e prático do que um smartphone com email. Enquanto todo mundo não estiver na rua com um, conectado, Instant Messenger não vai ser solução de todos os problemas.

6 – Ao invés de sair escrevendo feito um desesperado durante o dia, tire muitas fotos, faça anotações rápidas (ou use o recurso de anotação de voz de sua câmera) e deixe para a manhã seguinte ou o final do dia a tarefa de sumarizar os posts.

7 – Não adianta deixar acumular idéias. No final você não consegue recuperar o tempo perdido e acaba tendo que apelar para truques sujos como montar listinhas numeradas, para não perder os assuntos.

8 – Escrever usando o T9 do Nokia é excelente, depois que você adiciona seu vocabulário ao dicionário, e é muito tranquilo enviar por Bluetooth para o PDA e finalizar a edição com um teclado de verdade.

9 – Os visitantes e paraquedistas continuam entrando no site, mas o AdSense é implacável. o CPM médio vai pro ralo. Sem entrar em detalhes, cinco dias fora e o faturamento caiu 50%. Agendar posts e/ou postar pelo menos a cada dois dias é essencial.

10 – Minha lógica distorcida consegue ser convincente o suficiente para que eu ache perfeitamente razoável viajar 500Km para comer uma lasanha e economizar um SEDEX. Claro, também aproveitei para encontrar com o Leo, do Meiobit, pegar umas encomendas e discutir sobre alguns projetos.

 

No final foram 3 Estados em 5 dias, ainda tendo que acordar 8 horas da madrugada de domingo para pegar um vôo pra Curitiba, mas valeu. Correu como eu planejei e como disse no Papo de Homem, havia uma coisinha linda me esperando lá. Veja você mesmo e diga se não mereceu o desvio de rota?


O Contraditorium vive de doações. Não veiculo anúncios no blog. Somente sua colaboração me incentiva a escrever artigos cada vez melhores, sem rabo preso com anunciantes, partidos ou militâncias. Prestigie essa liberdade, faça uma doação. Use o PagSeguro no botão abaixo ou via PayPal com o email cardoso@pobox.com. Caso você tenha uma carteira PicPay,meu usuário é @carloscardoso. Caso não tenha e queira uma forma de transferir pequenas (ou grandes, de preferência grandes) quantias sem taxas, é só se inscrever.  Eles te darão R$10,00 para experimentar, basta utilizar meu código promocional CARDOSO

Toda moeda é bem-vinda, desde que seja de país com luz elétrica e água encanada.




Leia Também:

  • Vinicius Nery

    Bem-vindo de volta! Senti falta de seus textos…

  • Poxa, some assim nao uai.

  • Cardoso,

    Que chá foi esse!? Passava aqui todo dia e nada! Ainda bem que os 50% te chamaram a atenção e você resolveu colocar as coisas em dia, o Contradi… volta a ativa!

    Rsss, Valeu a volta!

    Abraços

  • Eu não me importaria em viajar alguns estados se tivesse "uma coisinha linda" dessas me esperando!

  • Cuidado com o sanduíche-iche da TAM ouvi falar que eles causa intoxicação. Essa seria a causa não divulgada da queda dos aviões da empresa.

    E sim, não rolou nenhuma recordação do encontro histórico Bia-Cardoso-Leo?

  • Curiosamente não.

  • Lu

    Linda, linda, linda! Eu queeeeeero!

    Ótima listinha. E sábio conselho no item 7 – um dia, aprendo.

  • A Bia ficou com medo de sair na foto junto com vocês?

  • **piada interna detected**

    E este vinho de 80 mil dolares ai, como vc conseguiu sair com ele do supermercado? a caixa não assustou?

  • O item 9 explica porque o meu faturamento do AdSense subiu feito salário de deputado nos últimos dias…

    Quando o Contraditorium não come o bolo a fatia dos outros fica maior, hehe

  • Conta mais! Tem tanto assunto que dá para gerar mais uns 2-3 posts.

  • Sigil, a Bia não gosta de aparecer em foto do meu lado.

  • Se você conseguisse uma máscara tipo a do canino ali em cima no banner do blog ela até aceitava. A menos se a Kate tivesse junto, claro…

  • Vou tentar com uma casinha de cachorro na cabeça…

  • Correu como eu planejei e como disse no Papo de Homem, havia uma coisinha linda me esperando lá. Veja você mesmo e diga se não mereceu o desvio de rota?

    Mereceu (invejinha)…

  • Pingback: BlogLouco.com - Evanescence - Lithium()

  • É Cardoso,

    No final das contas pode-se dizer que sua viagem foi positiva.

    No item 4 concordo e discordo de vc, pois grande parte os brasileiros são assim mesmo, mas no sul percebi que são mais limpos e educados…

    Sobre as idéias tenho a mesma dificuldade, se não anotar eu perco.

    Agora o que te fez optar por essa coisinha linda, o Mac?

  • Paulo, eu peguei o Mac pq a outra coisinha linda não estava disponível ;)

  • Pingback: As contradições da vida at Workaround()