O rapto da sabida, ou a história mais mal-contada de 2017

Nota: O título é meio forçado mesmo, você pode achar que eu estou pagando de cultão fazendo uma referência ao Rapto das Sabinas, e me dei mal pois a imagem é do Rapto de Perséfone, mas é proposital. Eu adoro essa peça e não acredito que Bernini esculpiu essa obra-prima em 1611. Quanto às Sabinas, elas que se ralem. Bando de periguetes.

Já o nosso caso atual é bem diferente. Envolve uma modelo inglesa de 20 anos chamada Chloe Ayling. Essa moça (ok, tecnicamente não é mais moça, tem uma filha) povoou as manchetes por um tempo, depois de ter passado uma situação terrível.

Convidada por um fotógrafo para uma sessão na Itália, ela chegou em Milão, seguindo as instruções até a porta do estúdio, que foi instruída a ir abrindo sem precisar se anunciar. Ela se deparou com o estúdio vazio, então foi agarrada por um homem, que a injetou com alguma coisa. Ela acordou dentro de uma bolsa, no porta-malas de um carro. Chloe foi levada para uma casa no interior, onde foi acorrentada a um gaveteiro.

Chloe foi fotografada só de maiô, com uma placa listando seus dados e medidas.

A foto foi para um anúncio na Dark Web. Os sequestradores explicaram que ela seria vendida como escrava sexual por US$300 mil, provavelmente para algum árabe. Quando o comprador se cansasse, ela seria repassada para outro e mais outro, e no final viraria “comida de tigre”.

Sinistro, não?

Ela conta que um dos sequestradores contou que faziam parte de uma organização secreta chamada Morte Negra. Ele era um assassino profissional (mostrou duas facas a ela) e em cinco anos ganhou US$15 milhões. O sequestrador explicou que se ela tentasse fugir seria morta imediatamente, e permitiu que ela andasse livremente pela casa, e dividisse a cama com ele.

Sem maldade. Chloe não foi molestada, o assassino da dark web foi um cavalheiro, ele inclusive a presenteou com chocolates e lingeries.

Depois de seis dias o sequestrador-chefe diz que cometeram um engano, que a Morte Negra tem um código de ética e não sequestram mães. Chloe então foi libertada em frente ao consulado britânico, com ordens de não falar mal da Morte Negra e pagar US$50 mil para cobrir as despesas do sequestro.

A polícia italiana investigou o caso rapidamente e prendeu um tal de Lukasz Pawel Herba, que seria o chefe da quadrilha, se é que uma dupla de dois bandidos compõe uma quadrilha.

Chloe voltou para a Inglaterra e depois de passar por todos os programas de TV anunciou que iria fazer foto pelada para um jornal e-CLICK pois é, como uma pessoa que passa por uma situação extremamente traumática não sai da TV e ainda corre pra fazer fotos?

A história começou a ficar estranha quando os jornalistas e as polícias juntaram as peças soltas. Vejamos algumas:

1 – Somente vilões de filmes ruins contam todos os detalhes de seus planos para as vítimas. Definitivamente Chloe cooperaria mais se não soubesse que seria comida por um tigre.

2 – Um assassino internacional usando facas de cozinha? Não tinha nem uma Beretta?

3 – O sequestrador montou toda uma identidade online, com sites do estúdio, nome, cartão de visitas, telefones… isso é meio complicado demais e deixa muitos rastros.

4 – Antes da Chloe ser solta a foto do “leilão” e os detalhes do sequestro foram enviados por Herba para um monte de jornais ingleses, oferecendo vender a “história de uma modelo sequestrada”.

5 – Desde quando bandidos tem esses pruridos morais todos de não sequestrar MILFs?

6 – Sendo bem realista, qual a lógica de não tirar uma casquinha? O sujeito não fez nem fom-fom, não é questão de estragar a mercadoria, ela não era uma das virgens de 9 anos que Mao Tse-Tung apreciava (é sério, pesquise). Eu não acredito que um sujeito que sequestre uma mulher sabendo que ela será eventualmente morta e christianefizada sem dó tenha esse tipo de limite.

7 – Há imagens de câmeras de segurança que mostram a Chloe e o sequestrador em uma loja, onde foram… comprar sapatos. Isso mesmo, a vítima de sequestro para se tornar escrava sexual foi passear no shopping e fazer compras.

8 – No dia em que Chloe foi libertada eles chegaram no consulado mas estava fechado. Ela e o sequestrador foram então tomar café da manhã e fazer hora.

Agora adivinhe em que país o polonês Lukasz Pawel Herba morava: Isso mesmo, Reino Unido.

Um sujeito do Reino Unido decidiu sequestrar uma modelo inglesa e para isso armou uma armadilha… na Itália.

A polícia britânica prendeu Michal Konrad Herba, irmão de Lukasz, e em um computador acharam uma carta da Morte Negra, explicando que a soltura de Chloe foi um gesto de boa-vontade.

Agora a história fica melhor ainda: Chloe voltou pra Inglaterra com 200 mil Libras em contratos de publicidade, largou a agência antiga. Lukasz Herba diz que foi contratado por um grupo de romenos para alugar casas na Europa para estocarem roupas, e por isso foi pago 500 mil libras. Quando descobriu que havia um sequestro em andamento, ele teria dado pra trás.

Humm… pagar 500 mil pra um dos sequestradores e vender a dona por 300 mil. Isso explica a péssima situação econômica da Romênia.

Lukasz Pawel Herba fora dessas atividades extra-curriculares tem uma fábrica de ração de frango, e é conhecido por ser mentiroso compulsivo. Já Chloe Ayling é bem azaradinha, antes do sequestro ela encheu os jornais de releases contando como foi pega no meio de um ataque terrorista em Paris.

Pra piorar, agora há indícios de que Chloe e Lukasz já se conheciam, e teriam se encontrado em Paris para planejar o sequestro. Ela nega que qualquer coisa tenha sido armada. Seu advogado diz que a história “parece inacreditável”, mas é verdadeira.

O caso ainda está sendo analisado pelos juízes, estão decidindo se os sujeitos vão se extraditados para a Itália, e a próprio polizia não tem muita certeza do que aconteceu. A única certeza que tenho é que admiro muito a coragem de Chloe, depois de um terrível sequestro, seis dias nas mãos de criminosos, em sua primeira aparição pública ela revela ZERO stress pós-traumático. Quase como se nada tivesse acontecido. Menina durona.


O Contraditorium vive de doações. Não veiculo anúncios no blog. Somente sua colaboração me incentiva a escrever artigos cada vez melhores, sem rabo preso com anunciantes, partidos ou militâncias. Prestigie essa liberdade, faça uma doação. Use o PagSeguro no botão abaixo ou via PayPal com o email cardoso@pobox.com. Caso você tenha uma carteira PicPay,meu usuário é @carloscardoso. Caso não tenha e queira uma forma de transferir pequenas (ou grandes, de preferência grandes) quantias sem taxas, é só se inscrever.  Eles te darão R$10,00 para experimentar, basta utilizar meu código promocional CARDOSO

Toda moeda é bem-vinda, desde que seja de país com luz elétrica e água encanada.




Ah sim, se você tiver Bitcoins sobrando, também estou aceitando!

 

Leia Também:

  • gfg2

    “Um assassino internacional usando facas de cozinha? Não tinha nem uma Beretta?”

    Porque quanto mais perto do cliente você chega, mais profissional você é, e faca é o ultimo nível.

    • cloverfield

      mas como fica a regra de nem mulheres nem crianças?

  • André Luiz

    Mais fake que o fake táxi e o fake agent juntos.

    Manjadores manjarão

    • Reinaldo Matos

      Fake Agent, Fake Hospital, Fake Cop

  • José Carvalho

    Bandido Master Chef

  • Senhoras e senhores, temos uma heroína aí…

  • Reinaldo Matos

    E nem alegou Síndrome de Estocolmo.

  • Felipe Vinhão

    Porra, alguém vende esse roteiro pra Globo, que tá parecendo as novelas atuais dela. Só faltou a modelo, desencantada com os “perrengues” que passou, resolver mudar de sexo.

  • Leonardo

    vou aproveitar o clima natalino e fazer uma piada de tio:
    “ela poderia pedir para ser julgada ou ter feito todo o golpe em Portugal, lá acreditariam nela”

    tá, não tento mais…

  • Arnoud Arnoud Rodrigues

    Não acredito que alguém esculpiu essa maravilha. Já veio pronta desde o Big Bang. Falando em Big Bang, O Êxtase de Santa Teresa é outra obra impressionante, em muitos aspectos.

  • Hemeterio

    A Europa perdeu a malandragem. Essa historia seria reduzida a pó por qualquer detetive bêbado de Los Angeles, e com os métodos investigativos da policia br, ambos confessariam inclusive serem dois coelhos em 30s. A historia criminosa das mais europeias, que vi esse ano fou o roubo da moeda canadense de ouro – pesando 100Kg. Sumida ate agora.

  • Mas Cardoso, você sabe que a palavra da vítima NUNCA deve ser questionada, né?

    É, nesse caso fica complicado mesmo XD

    • Felipe Vinhão

      Tipo o uso da palavra “vítima” em “vítima da sociedade”?

  • Zin

    E cadê a foto que ela tirou depois?

  • hbeira

    Fiquei chocado quando soube, mas não sabia que era bait!
    Fui tapeado.

  • AHSOliveira

    Airheads feelings…

  • danielrt1

    ” pois é, como uma pessoa que passa por uma situação extremamente traumática não sai da TV e ainda corre pra fazer fotos?”
    Uma certa loirinha UNIversitária de vestido rosa não curtiu isso…