Bolívia? Depois dessa da Coca devia ser chamar Kibelândia

Essa, como diz a Nospheratt, é de cair o cu da bunda. Sabem a Bolívia, que tem toda aquele discurso anti-imperialista, morte aos exploradores, bla bla bla, que hoje veio com um papo de expulsar a Coca-Cola do país, garantindo assim a primeira ereção do Hugo Chavez em meses?

Agora disseram que não é bem-isso, entenderam errado, não é que 21 de Dezembro seja o dia em que expulsarão a Coca-Cola do país, apenas vai “marcar o Fim da Coca-Cola”. Talvez estejam falando do Apocalipse Maia, afinal se o mundo acabar, a Coca-Cola vai junto.

Curioso é que essa ojeriza tão grande com os imperialistas fabricantes do terrível suco negro não chega até a parte do nome. Que o diga a Organización Social para la Industrialización de la Coca, uma empresa boliviana, apoiada pelo governo, que lançou em 2012 uma bebida muito popular, com extrato de folhas de coca. O nome? Veja você…

cocadomal

Agradecimentos ao José Bento pela dica.


O Contraditorium vive de doações. Não veiculo anúncios no blog. Somente sua colaboração me incentiva a escrever artigos cada vez melhores, sem rabo preso com anunciantes, partidos ou militâncias.

Prestigie essa liberdade, faça uma doação, ou melhor ainda, assine meu crowdfunding, torne-se um colaborador mensal e ajude a combater a mediocridade! Cada centavo diminui a chance de você me ver em uma banheira de Nutella!

Leia Também:

17 Comments

  1. Felipe DiSouza

    Podia ser pior, Cardoso. A kibada poderia se chamar COCA ÍNA.

  2. julianommartins

    Cardoso, o link no Jabá, no lado direito, nao esta aparecendo. (ta.. eu sei, basta googlar)

  3. Estão bebendo folha de coca com gasolina na bolívia? Isso que eu chamo de cortar intermediários.

  4. Em nenhum momento o ministro falou que vai expulsar a Coca-Cola do país.

    Isso é um hoax.

  5. Mas também não deixa de ser uma forma de protesto, né? Hehehe

  6. Caramba……kkk muito bom….

  7. Aí véio! Não sei se você sabe, mas a Coca-Cola tinha lá sua pequeníssima quantidade do entorpecente da folha de coca lá pelos anos 30 do século passado. Inclusive, o tal "pó" era vendido em farmácias no Brasil (em pequenas quantidades) até o começo dos anos 60. Quem tiver aí um conhecido que foi jovem até aquela época e que gostava da boemia no Rio ou São Paulo, é só confirmar o que eu escrevo. O cara dava aquela cheiradinha básica para tirar a letargia causada pela bebida, e a "patroa" não desconfiar que ele chegou da farra! Então, acho que o Evo vai só restaurar a fórmula original da velha Coca-Cola da garrafinha branca.

  8. cara, gosto do seu blog. o presidente da Bolívia não é o Hugo Chávez, e sim o Evo Morales. abc.

  9. Boa essa propaganda hehe

  10. Temos que concordar que a ideia é no minimo, interessante !!! :)

  11. tem todo aver cocacola esta no top

  12. alison rodrigo

    bebida muito popular,aonde? vivo a mais de dois anos na Bolívia e nunca vi essa bebiba

  13. Só pra constar, Evo Morales, país errado.

    Fui pra lá ano retrasado e diziam que expulsaram o McDonalds com o mesmo discurso e que eles não atendiam os padrões de qualidade boliviano. Mas tem BK, bem nojento em La Paz, ainda assim tem. Tirando isso vendem Pollo e papa frita em qualquer esquina, sem higiene alguma.

  14. Coca-Colla. Fascinante, se temos em conta que COLLA, é no nome genêrico dos indios locais.

  15. Pelo menos eles são honestos e dizem que tem folha de coca envolvida.

Comments are closed