Organização Bom e Eu Gosto, mas não pratico. (aquilo que vc pensou também)

O vídeo deste post é de um sujeito que diz estar fazendo um trabalho de faculdade e se propõe a organizar as frutas em uma barraca de feira. Não é um libelo anti-homofobia, mas até poderia ser, visto que ele reconhece mais de 5 tons de cores, mas o tema é outro, um que eu gosto bastante mas não tenho moral NENHUMA pra falar, organização.

Pode reparar, em mercados BURROS é comum você ver produtos organizados horizontalmente, assim baixinhos, idosos, grávidas, anões e hobbits que se danem, precisam subir em alguma coisa ou alguém para pegar o produto na prateleira de cima. É algo MUITO simples organizar produtos verticalmente, mas não é todo gerente que tem QI para exibir nem todo funcionário QI para cumprir.

Vamos ilustrar com uma imagem estilo Morróida?

Photo abr 04, 4 53 26 PM

Já pensou em uma prateleira na porta de casa com coisas que precisa quando for sair, como documentos do carro e chaves? E uma separação por pessoa da casa, assim ninguém rouba chave de ninguém?

Eu tenho uma caixa enorme lotada de carregadores, sempre que preciso de um é um inferno, ainda mais tentando ler algo impresso em corpo 2, de noite sem lupa. Então tive uma idéia: Imprimir uma etiqueta com voltagem, amperagem e aparelho original de cada carregador, e identificá-los. Assim em segundos acharia o correto.

A idéia foi ótima, só não resolveu meu problema porque ter idéia não é o mesmo que implementar. Careço de um estagiário. Japinhas coreanas de 16 anos, manifestem-se.

O cidadão do vídeo (e deste blog aqui) mostra como uma mudança simples afeta profundamente a apresentação de um comércio. Óbvio, dirão alguns, mas aposto que a mesa deles está tão zoneada quanto a minha. VEJÃO!

 

Veja a Organização Aplicada a Uma Loja: Ao invés de um monte de placas isoladas, faixas coloridas no chão indicando os valores dos descontos, e PRINCIPALMENTE dando um caminho para o consumidor seguir. Segredinho sujo: Pessoas adoram ser encaminhadas, nada mais reconfortante que um trilho, essa estrutura é matadora e custa só alguns rolos de fita por dia, senão em 4 ou 5 dias todos os produtos estarão no setor cinza. O cidadão pelo visto prestou atenção nas aulas:

 


O Contraditorium vive de doações. Não veiculo anúncios no blog. Somente sua colaboração me incentiva a escrever artigos cada vez melhores, sem rabo preso com anunciantes, partidos ou militâncias. Prestigie essa liberdade, faça uma doação. Todo valor é válido, o que vale é a intenção e o seu cartão de crédito passar. Use o PagSeguro no botão abaixo ou via PayPal com o email cardoso@pobox.com. Toda moeda é bem-vinda, desde que seja de país com luz elétrica e água encanada.

Leia Também:

  • Esse é o tipo de lance que você olha e pensa que as soluções mais simples são as mais geniais. A organização das faixas foi muito bem bolada.

  • N Bocaddo

    Muito bom, mas não podemos esperar que est conceito seja compreendido pelos boçais.

  • Menezesmaia

    Ele não vai ser contratado, ele vai ser RICO.

  • E quando a pessoa for daltônica, como faz? Isso levando em conta que (ou se) houve aumento nos lucros da loja, evidentemente.

    • Marcelo F.

      Sou daltônico e posso afirmar que eu tive sim uma certa dificuldade em diferenciar as cores de cada promoção. Mas isso porque a escolha de cores foi pensada pra um efeito visual mais bonito, evidentemente.

      A maioria dos daltônicos(meu caso) tem dificuldade em diferenciar algumas cores que são "parecidas", tais como: verde/amarelo azul escuro/roxo verde/vermelho, entre algumas outras. Caso nosso amigo estiver interessado em, além de aumentar as vendas, também oferecer um projeto que possa ser fácilmente diferenciados por pessoas com daltonismo, aconselho a ele usar cores quase opostas para diferenciar as áreas da promoção, como azul/marrom (e não azul/roxo.. essa føde minha vida) amarelo/vermelho (e não amarelo/verde, pois a maioria dos cegos de cores tem dificuldade em diferencia-las), enfim.

      Ele pode sim usar esse esquema e ser obter resultado inclusive de daltônicos(desde que não seja um caso extremo de enxergar preto/branco, que é ABSURDAMENTE raro), basta usar o bom-senso.

      • Ele podia usar tambem diferentes tipos de linhas, tipo, uma linha pontilhada, outra linha com tracos mais longos, outros com tracos verticais, ou coisa do tipo.
        Eu tenho uma tia que montou uma empresa de organizacao domestica. Claro que a maioria dos clientes tenho uma condicao financeira muito boa (o resto acha bobagem, ou nao tem dinheiro mesmo) mas eh impressionante a comparacao do antes e depois. Nunca ouvi um caso dela que cliente ficou insatisfeito.

  • Christian Gump

    Pior que, apesar de ser realmente óbvio, ninguém faz isso! Há muito tempo atrás eu trabalhei numa loja de conveniência dessas de posto de gasolina, numa grande rede, e uma semana antes da inauguração veio alguém dessa rede nos ensinar a organizar a loja. Era só coisa óbvia mas que ninguém faz, como a organização vertical, que não só possibilita todo mundo pegar os produtos, como também a mais fácil identificação de cada item. Você quer chocolate? Andando um pouco você já dá de cara com aquela "listra" da cor da embalagem do chocolate.

    Outra coisa que ele ensinou é o que chamam de "sistema PEPS" (primeiro que entra, primeiro que sai), algo também óbvio para produtos perecíveis e com período de validade curto.

    Uma semana depois da inauguração da loja, já estava tudo bagunçado. Por quê? Porque o dono falou que tudo aquilo que a gente ouviu do cara da rede de lojas "era besteira e tomaria mais tempo para organizar os produtos". E o catchup, quando estava na metade, o próprio dono ia lá e jogava mais catchup em cima. Imagina que beleza não devia ficar o de baixo, que nunca era consumido!

    • Trabalhei numa grande rede de pizzaria aqui em Londres e o FIFO (First In First Out) era uma regra obrigatorio. No comeco achava um saco mesmo ficar tirando tudo pra colocar os mais novos no fundo, mas no 1o dia trabalhando na cozinha vi o tanto que faz diferenca. Nao perder tempo na hora da correria olhando qual produto eh mais velho.

  • Cara, os produtos sao organizados horizontalmente porque, quem paga mais, fica no acesso mais facil ao consumidor (ou seja, na altura do alcance da mão que eh a prateleira do meia, para adultos e mais baixas, para crianças.

    Ou vc acha que eh por acaso que os produtos mais baratos estao sempre embaixo nas gondolas?

    Quando a identificacao nos corredores? Eu que nao iria deixar de fazer meus consumidores circularem pelo mercado a procura de um produto e evitar que passem por outro que eles possam comprar. Para que levar ele direto ao que ele quer se voce pode simplesmente ter a oportunidade de ele levar junto outro produto?

    Nao digo que eh certo nem errado. Eh mercadologico.

    abs

    • Exatamente,o que eu iria comentar,trabalho como promotor de vendas para uma grande fábrica de bebidas,e o que vemos nos supermercados é isso!O espaço em gôndola é definido de acordo com a grana paga para um produto ter maior exposição,a área nobre que é a altura que vai do peito até a altura dos olhos é uma das mais caras.Quanto a identificação de corredor é exatamente o contrário que o mercado quer,quanto mais o consumidor ficar "perdido" maiores são as chances dele consumir algo que não queira.O consumidor é "burro" o que você coloca na frente dele ele compra,é assim que funciona,claro que eu acho que deve haver uma grande mudança nisso tudo,mas sabe como que é em time que está se ganhando não se mexe.

      • Sim, prateleira de SM é praticamente mercado imobiliário. Os fornecedores que mais investirem na rede de supermercado, como com verba introdutória, promoções na loja, melhores condições, etc, leva as melhores áreas.

        • Mas dessa forma vocês só comprovam que trabalham para o bem dos empresários, e não para o bem dos clientes.

  • Me enquadro perfeitamente no título!

  • Japinhas coreanas de 16 anos, manifestem-se.

    Pra que esperar dois anos? xD

  • Dany Lederman

    Sou extremanete organizado, me sinto muito bem sendo assim! Adorei os vídeos!

  • Pipenb

    Queria ter essa capacidade de pensar na melhor forma de organizar as coisas só dando uma breve olhada. Infelizmente eu demoraria um bocado até me tocar daquela sacada na fruteira, e sacadas como essa podem dar uma boa levantada no número de vendas de uma maneira muito simples.

  • Ideias sensacionais! Eu com certeza compraria na barraquinha de frutas organizada, chama muito a atenção visualmente. É uma pena que as pessoas prefiram o que é mais rápido e fácil ao invés de tentar inovar.

  • Simone

    Deve ser um ator. O blog tá certinho demais… E o video do Betao? Aquele foi todo produzido… Tá na cara q ele é fake. Mas a ideia é boa.

  • Mariana Sorc

    O vídeo é legal… mas ele deveria mostrar resultados. Faria mais sentido.

  • Cardoso, hoje, no blog do cidadão dos vídeos, ele postou um vídeo q termina mostrando que ele foi patrocinado pelo Itaú. Vc sabia ou não que era uma tentativa de viral? Vc pode matar minha curiosidade?

    De qquer modo, foi um trabalho bacana.

  • A idéia é boa, mais tá com cara de ser fake

  • Só posso dizer: Parabéns pra agência que criou esse case para o Itaú…

  • Meu problema é organizar meus livros, nunca acho o que preciso. Uma estagiária formada em biblioteconomia seria muito bem vinda. (não importa a idade, basta saber português, inglês, espanhol, francês e alemão).
    Excelente post.
    VL&P