Guardiões da Galáxia – Rocky Racum ou: Piada boa é piada explicada

rocket-raccoon

A tradução brasileira tem seus altos e baixos (cof cof O Físico*, cof cof). Em Jornada nas Estrelas tivemos velocidade de dobra, velocidade de torção e no final a tradução se rendeu a velocidade Warp. O massacre da serra elétrica não faz sentido, Leatherface não anda por aí arrastando uma extensão, mas o tradutor não sabe o que é uma motoserra. O estagiário do Ilha Plaza provavelmente só uma TV pra ver SexyHot e computador pra XVideos, então desconhece que um raccoon é um guaxinim, então traduziu por texugo.

Agora muita gente veio comentar que estranhou o Rocket Raccoon em Guardiões da Galáxia ser chamado de… Rocky nas legendas.

Não é uma adaptação por questões de bom-senso, como o Conde Doku virar Dokan e Capitão Panaka virar só Capitão, ou o Mestre Jedi Sifo-Dyas… bem, deixa pra lá.

A questão é que Rocky Racum é uma tradução legítima, é usada pelo menos desde 2007, provavelmente foi criada pena Panini. Foi no final da Era Jotapê, quando ainda era legal adaptar nomes. De lá pra cá tudo fica no original.

legal então, né?

Não. Rocket Raccoon é uma referência a uma canção dos Beatles chamada… Rocky Raccoon.

Ou seja: O tradutor, querendo demonstrar toda sua erudição de cultura pop, estragou a piada. Por nada exceto demonstrar o quanto é inteligente e pescou a referência.

Por isso os italianos sempre dizem: “traduttore, traditore”, que traduzido quer dizer mais ou menos “pare de inventar merda e só faça seu trabalho, cacete”.

* Nota: EU SEI que em português arcaico “Físico” era usado como sinônimo para médico, mas se o intuito do autor de “The Physician” fosse esse, o título original seria “The Physicist”, mas o termo cunhado só em 1836 nunca teve significado médico. E Physician não é um termo arcaico. O tradutor fez merda e por muita muita muita sorte acertou no que não viu.

 


O Contraditorium vive de doações. Não veiculo anúncios no blog. Somente sua colaboração me incentiva a escrever artigos cada vez melhores, sem rabo preso com anunciantes, partidos ou militâncias. Prestigie essa liberdade, faça uma doação. Use o PagSeguro no botão abaixo ou via PayPal com o email cardoso@pobox.com. Caso você tenha uma carteira PicPay,meu usuário é @carloscardoso. Caso não tenha e queira uma forma de transferir pequenas (ou grandes, de preferência grandes) quantias sem taxas, é só se inscrever.  Eles te darão R$10,00 para experimentar, basta utilizar meu código promocional SKO4

Toda moeda é bem-vinda, desde que seja de país com luz elétrica e água encanada.




Leia Também:

  • husermarcio

    Onde que tem Velocidade Warp? Isso foi nas dublagens da série clássica? Porque da Nova Geração em diante, inclusive na nova franquia de filmes, até onde eu consigo me lembrar, é tudo "Velocidade de Dobra"

  • husermarcio

    Em tempo: na dublagem também ficou Rocky, o que estranhei de início, pois eu desconhecia esse fator de tradução dos quadrinhos (estou longe deles desde o início da fase Platinum da Abril, época em que ela decidiu não mais fazer assinaturas das revistas de heróis. E era a linha DC. Que dirá Marvel)

  • Jonerval

    não entendi

  • Overlord

    Se o tradutor de Guardiões da Galáxia usasse a Internet há um bom tempo, lembraria-se do clássico meme: BADGER BADGER BADGER… aquele "Flashzinho" das antigas, com os texugos dançando.

    • Carl Segão

      Here.. take this:

      https://www.youtube.com/watch?v=hGlyFc79BUE

  • Teve "velocidade arqueada" também (filme VI), um marco nas traduções mal feitas. Depois disso, começaram a ouvir os trekkers na tradução dos termos técnicos. (Se não me engano, foi também no filme VI que o já consagrado phaser virou "faseador".)
    Acho "dobra" uma tradução linda, por sinal.

  • rsvargas

    Achei que só eu me incomodava com a tradução d'O Físico!! :D

  • Sandro Ceara

    Apenas á título de curiosidade:

    "Me Tarzan, you Jane" virou "Mim Tarzan, você Jane"

    A bagaça vem de longe!

  • Post curto mas me elucidou, sai do cinema me sentindo um pouco idiota, não entendi se ouvi errado (sim vi dublado, me julgue) ou não sabia mesmo o nome do personagem, como nunca li nada do gibi fiquei quieto. Quanto a Star Was, tem algum estagiário dando risada disso.

  • Martin Juan

    Threshold, episódio 31 de Voyager:
    Janeway diz na dublagem “isso é tão importante para a ciência como o invento de Santos Dumont”.
    Até aí, os fãs brasileiros entraram em orgasmo. SÓ QUE… em inglês ela diz “Wright Brothers”.
    Se mal não lembro, isso deu problemas para a equipe de dublagem. Mas o programa foi ao ar.
    Isso sem contar com as vezes que assisti DVD dublados e por pirraça deixei as legendas em português, para apreciar as mudanças.
    Conclusão:
    Todos os filmes estrangeiros no Brasil têm três versões, a original, a dublada e a legendada. Sempre diferentes.
    Por isso prefiro sempre assistir filmes em inglês com legendas, porque isso não me irrita tanto como as dublagens.
    VL&P, Cardoso.