Maldade: Sumiram com o pinto de Cristo

AVISO: Eu não estou inventando nada, este post é completamente baseado em fatos reais

O mercado de Relíquias Sagradas é lucrativo desde os tempos bíblicos, tendo rendido excelentes filmes (Indiana Jones e a última Cruzada) e exclentes jogos – Spear of Destiny, baseado na Lança Sagrada, que teria perfurado jesus na cruz. Fora as centenas de igrejas na Europa que atraíam turistas com pedaços da Cruz, ossos de santos, etc.

O problema é que a quantidade de madeira atribuída à  Cruz daria para construir a arca de Noé, e as relíquias costumam pender para o ridículo. Há desde “lágrimas de cristo” (parece nome de fogos de artifício) até o Santo Cordão Umbilical. Ah, dentes-de-leite do Menino Jesus. Com isso já dava pra fazer um clone porreta.

Outra igreja afirma ter a Esponja Sagrada, que teria sido embebida em vinagre, durante o calvário, bla bla, você sabe.

Até aí, tudo bem, mas descobri que o pessoal apelou. Existe uma relíquia em especial, bem… você já ouviu falar do Santo Prepúcio?

Circuncisão de Cristo – Friedrich Herlin, 1466. Fonte: Wikipedia

Explicando: Os judeus são um povo muito corajoso -e nem digo por terem sobrevivido a uns entreveros na Europa, anos 30- eles cortam um pedaço da jeba antes de saber com que tamanho ela vai ficar. Chamam isso de Brit Milah.

Cristo, claro, era judeu, antes de encontrar Jesus. Por isso no seu oitavo dia de vida um mohel apareceu no estábulo, ou seja lá onde a família morasse, puxou um izmel do alforje e “nhack” removeu o prepúcio do pobre moleque. Depois foram todos almoçar.

Esse prepúcio ficou desaparecido (como todos. O que diabos os judeus fazem com todos os prepúcios? Há uma teoria da conspíração aí) até o ano 800, quando Carlos Magno o deu de presente ao papa Leão III, no dia de sua coroação. (A do Rei. Acho.) Acho legal. Nunca ninguém me deu um prepúcio de presente. É bem original. Melhor que gravatas.

O Papa, que não era bobo nem nada, imediatamente anunciou que ganhou o prepúcio de um anjo, enquanto orava no santo sepulcro.

O pessoal do Marketing e Propaganda (não estou brincando, o termo “Propaganda” foi primeiramente usado pela Igreja Católica) viu que podia tirar um trocado, então começaram a surgir prepúcios para todo lado. Durante a Idade Média existiram até 18 prepúcios. O que gera duas possibilidades: Ou 18 moleques foram circuncisados pra fornecer o material, ou cristo era muito bem dotado, e o Santo Prepúcio foi fatiado em 18 partes.

Os Prepúcios rodaram pela Antuérpia, Palestina, Santiago de Compostela, esses lugares que o Paulo Coelho diz que vai. Ah, eram considerados milagrosos, os fiéis faziam procissões celebrando o Sagrado Prepúcio de Cristo.

E você achava esse festival no Japão esquisito…

Com a Revolução Francesa a maioria dos prepúcios foi destruída, mas um sobreviveu, indo parar na vila de Calcata, na Itália, onde havia uma procissão anual celebrando o prepúcio, que durou até 1983, quando o Sagrado Prepúcio de Calcata foi roubado. Meteram a mão no que sobrou do Pinto de Cristo e se mandaram. Canalhas.

Só que nem tudo são flores (ou prepúcios). Em 1856 um trabalhador, na Abadia de Charroux achou, atrás de uma parede, um relicário contendo o que aparentemente era o Único e Verdadeiro Prepúcio. Os dois locais começaram a brigar, até que em 1900 a Igreja Católica, que na época não era muito ligada em pintos de garotinhos decretou que qualquer um que insistisse em falar ou escrever sobre o Santo Prepúcio seria excomungado.

Mais tarde, em 1962/1965 o Concílio Vaticano Segundo removeu o Dia da Santa Circuncisão do calendário oficial (era 1º de Janeiro). Faz sentido. Primeiro, não faz sentido fazer propaganda do lado judeu de Jesus (até porque era só por parte de mãe) segundo porque estava ficando constrangedor toda essa preocupação em torno de pintos infantis, prepúcios, etc.

Alguns acham que há uma conspiração, que o Vaticano orquestrou o roubo, para evitar que a única parte do Corpo de Cristo na Terra seja venerada. Eu acho que Dan Brown poderia escrever um senhor livro. Já imaginaram, novas aventuras de Robert Langdon, no Código doPinto?


O Contraditorium vive de doações. Não veiculo anúncios no blog. Somente sua colaboração me incentiva a escrever artigos cada vez melhores, sem rabo preso com anunciantes, partidos ou militâncias. Prestigie essa liberdade, faça uma doação. Use o PagSeguro no botão abaixo ou via PayPal com o email cardoso@pobox.com. Caso você tenha uma carteira PicPay,meu usuário é @carloscardoso. Caso não tenha e queira uma forma de transferir pequenas (ou grandes, de preferência grandes) quantias sem taxas, é só se inscrever.  Eles te darão R$10,00 para experimentar, basta utilizar meu código promocional CARDOSO

Toda moeda é bem-vinda, desde que seja de país com luz elétrica e água encanada.




Leia Também:

  • Islan Oliveira

    Me esforcei pra não sorrir, mas foi inevitável.

  • Flávio Junior

    Isso me lembra uma piada. Um ladrão tentou invadir uma sinagoga em reformas, mas caiu do teto da mesma quebrando as duas pernas e ficando preso no lugar. Vários dias depois ele é encontrado pelo rabino, que logo questiona como o ladrão sobreviveu durante tanto tempo no lugar. “Consegui estourar um cano para beber a água, passei muita fome nos primeiros dias, mas por sorte encontrei uma dispensa com uma tigela cheia de uvas passas. Racionei o consumo delas e assim sobrevivi!” diz o ladrão emocionado. “Não havia comida aqui, o que o senhor achou foi o armário com nosso material de circuncisão!” responde o rabino rindo-se.

  • Você está republicando? Pois tenho certeza que já li esse post muitos anos atrás.

    Claro, nada contra. Aliás, como alguém que prefere textos atemporais em face ao imediatismo que está em alta na internet hoje, acho excelente encontrar conteúdo que ainda possa ser aproveitado vários anos depois. Só curiosidade mesmo. Fiquei me perguntando se outros posts seus (fora os que têm alguma referência a eventos recentes) também são republicações que eu não tinha visto na primeira vez.

  • Esse pessoal tem a mente muito poluída e fica vendo pinto em qualquer lugar.

    https://uploads.disquscdn.com/images/d4dfa4568d2ad95eefa6ad8572329d65385b4676ca0c49e06efe34e122d1ad37.png

  • Carlos Ferreira

    “Meteram a mão no que sobrou do Pinto de Cristo e se mandaram. Canalhas.”

    – Cardoso C., 2017

  • Dan….. Bráulio?

    • @cheesepaulo

      huahuahahuh é pra isso que pago internet.