Ganhe dinheiro sendo simples e rasteiro

Você quer ganhar muito dinheiro? Eu também. Vamos nos unir. Explique sua idéia, escreva um texto contando-a. Envie para mim.

Mas atenção: se sua descrição tiver mais de um parágrafo vou apagar sem ler.

Radical? Não. É apenas fruto da observação. Ter idéias complexas é fácil. Complicado mesmo, lucrativo mesmo é o óbvio. Pouca gente pensa no que todo mundo deveria ter pensado antes. As idéias que pegam, que vendem, que mudam o mundo (mesmo que só um pouquinho) são as que qualquer um poderia ter tido.

O verdadeiro gênio não é o sujeito que pesquisa 10 anos até produzir uma mala de viagens com cobertura de Kevlar, triplo isolamento térmico, gabinete para recém-nascidos, sistema de giroscópios de estabilização e laser de defesa.

Gênio é o sujeito que experimentou colocar rodinhas em uma mala.

Óbvio, não? Algo que faz tanto sentido. Mas que levou uns 4 mil anos (assumindo que os egípcios já tinham baús de madeira) para ser inventado.

Na Internet temos o mesmo efeito. Idéias óbvias conquistam multidões, sites feitos com pouco dinheiro e muito brilhantismo desbancam corporações inteiras.

Isso não vale só para serviços. Algumas idéias absurdamente óbvias florescem mesmo sem uma utilidade aparente. A Página de Um Milhão de Dólares  Foi uma iniciativa onde o autor loteou uma área de tela equivalente a 1 milhão de pixels, 1000×1000. Cobrou US$1,00 por pixel e contou com a divulgação dos próprios internautas. Estes gostaram da idéias e investiram. Logo empresas apareciam querendo comprar espaço na tal página.

Seu criador? Alex Tew, um estudante de 21 anos.

Ele não só ganhou seu milhão de dólares como no primeiro mês arrecadou US$152.900.

Ele poderia seguir o modelo tradicional e acreditar que somente pesquisadores e engenheiros e artistas e magos de Hollywood podem ter idéias genialmente que rendam milhões. Ou poderia achar que por ter 21 anos de idade, dificilmente seria capaz de algo realmente genial.
Ainda bem que Alex acreditou mais em si mesmo do que no “conhecimento vigente”.

Curiosamente há uma espécie de “justiça poética” nesses casos, bem rara de acontecer fora dessa situação que envolve idéias genialmente simples.

Os imitadores nunca se dão bem. A segunda página de um milhão de dólares foi um fracasso, bem como todas as outras. Idéias genialmente simples só funcionam da primeira vez, na Internet.

A inveja positiva de ver alguém ganhando uma bolada com uma idéia é complementada pela satisfação de ver um imitador se dando mal.

Tenha idéias, mas não perca tempo tentando ser complexo, complicado e sofisticado. Tenha as idéias mais simples, óbvias, rasteiras e ululantes que puder, desde que ninguém mais tenha pensado nelas. Não vai se arrepender.


O Contraditorium vive de doações. Não veiculo anúncios no blog. Somente sua colaboração me incentiva a escrever artigos cada vez melhores, sem rabo preso com anunciantes, partidos ou militâncias. Prestigie essa liberdade, faça uma doação. Use o PagSeguro no botão abaixo ou via PayPal com o email cardoso@pobox.com. Caso você tenha uma carteira PicPay,meu usuário é @carloscardoso. Caso não tenha e queira uma forma de transferir pequenas (ou grandes, de preferência grandes) quantias sem taxas, é só se inscrever.  Eles te darão R$10,00 para experimentar, basta utilizar meu código promocional SKO4

Toda moeda é bem-vinda, desde que seja de país com luz elétrica e água encanada.




Leia Também:

  • Outro exemplo é o "One red clips", que o cara começou com um clips e terminou com uma casa!

  • Bem lembrado inclusive o tal do "one red clips"… depois é só dominar o planeta e sair pro abraço.

  • Claaro. É fácil, oras… Tenha uma idéia genial e simples, e fique rico. Como é que não pensei nisso antes. ¬¬

  • Para onde envio as 3 linhas que explicam a minha idéia brilhante?

  • Eu dou 2% ;(

  • A gente brinca e tal mas este pensamento é verdade. No mundo dos negócios sempre quem tem a idéia mais simples acaba ganhando um bom dinheiro.

    Agora, nem sempre o simples é fácil de ser feito. Não digo a dificuldade de executar a ação em si e sim de vencer os paradigmas de aquilo é bobagem e tal.

    A internet por exemplo é um campo muito fértil para isso, vide o caso dos blog's. Há um tempo atrás duvido que se você fala-se no blog como fonte renda não ouviria uma risada.

  • Luiz

    O problema é que nós somos "adestrados", desde os primeiros anos de escola, a ter que "tirar o coelho da cartola" para resolver os mais diversos problemas.

    Como disse um professor de faculdade com a qual eu tive aula: SEMPRE o mais simples é mais difícil de ser entendido e pensado.

  • Zictor

    Vou seguir a idéia do Cardoso. Vou ter uma idéia simples e faturar horrores com ela. Vou ficar milionário. Valeu pela idéia, Cardoso! Por que eu nunca pensei nisso antes?

  • Sei lah eh interessante a ideia de tentar ter uma ideia simple e original, mas se eu tiver uma pra que eu vou te contar? pra dividir com vc e ela deixar de ser original????

    Ah sei lah…

    http://noticiasgenericas.blogspot.com/

  • Bem.. Estou vendo que não serei o único milionário por aqui…
    Já estou pensando em um plano simples de acabar com todos vocês!
    o.o

  • Se eu tivesse pensado no que esse japa aqui (http://feioquedoi.wordpress.com/2007/10/01/assoprar-pra-que-meu-rei/) pensou eu já tinha ganhado porrilhões…

  • Manda pra mim!

    estouentediado@gmail.com

    Se eu ganhar um milhão com sua idéia te dou 1%!

  • <puxa-saquismo> Há alguns anos, um comercial, nem me lembro de que produto (acho que era cigarro, mas não tenho certeza) apresentou uma das frases mais verdadeiras que já ouvi: “só os gênios percebem o óbvio”. E, embora você não tenha usado-a “ipsis literis”, é a frase que resume seu post. Parabéns, genial como sempre. </puxa-saquismo>

  • Pingback: Assoprar pra quê, meu rei… « Feio que Dói()

  • É como a história da NASA que torrou mais de 10 milhões de dólares na pesquisa de uma caneta antigravidade para os astronautas e os russos usavam lápis. Temos a mania de complicar as coisas e ignorar o óbvio.

  • Pingback: Em bu$ca do primeiro milhão » Blog Archive » Simplicidade é a alma do negócio()

  • A NASA nao torrou dinheiro em uma caneta especial. A tal caneta foi desenvolvida por uma empresa (privada). A caneta eh vendida ateh hoje… vi essa semana numa loja. Eh certo que a empresa jah ganhou varias vezes o valor investido.
    Os russos continuam com o lapis. :-)

  • Fernando F. H.

    Ganhar dinheiro? Três alternativas: 1) TRABALHE. 2) Compre na baixa, venda na alta. 3) Prostitua-se.

    Mas sério. Se tornar rico é algo que necessita ou de genialidade de "descobrir o óbvio" – algo que muitos precisam e poucos, ou ninguém ainda tenha pensado nisso antes; ou então de muito trabalho "99% transpiração, 1% inspiração".

    Um grande abraço, do seu novo leitor e novo neste "mundo dos blog's".

    Fernando F. Heissler.

  • "Os imitadores nunca se dão bem."

    Não se aplica a Microsoft né?

    Ficou claro que você leu Adams Óbvio, ou então você teve exatamente a mesma idéia dele. Assim como no hoax da bíblia em Miguxês… Nossa você é tão original ^^

    Em relação ao que você disse sobre idéias óbvias:
    O problema é que para julgar se uma idéia é realmente óbvia é necessário seguir uma linha de raciocinio as vezes nada óbvia.

    Ás vezes surgem idéias boas e que tem tudo pra dar certo mas falta oportunidade para colocá-las em prática.

  • Cardoso,

    Este foi o melhor post que li no Contraditorium. Normalmente você usa tantas keywords que acaba atrabalhando um pouco o texto. Neste caso mesmo com as keywords vc mandou muito bem. Parabéns!

  • Luis Brudna, essa história da NASA eu ouvi numa palestra sobre negócios onde o objetivo era ilustrar como temos a tendência de buscar soluções complicadas em vez de focar na simplicidade (tema do post). Quanto aos fatos reais, a AG-7 "Anti-Gravity" Space Pen foi desenvolvida pela Fisher Pen Company que investiu um milhão de dólares no desenvolvimento e é utilizada, desde do final dos anos 60, por astronautas americanos e russos (sim, os russos abandonaram o lápis), além de estar disponível para qualquer mortal que quiser comprá-la.

  • Um post para imprimir e botar na parede.

  • Cardoso, eu tenho a idéia genial, simples e rasteira. Na verdade tenho várias, pq se uma naum emplacar eu vou tentando outras né… mas é sobre o mercado de alguel de dvds. Nos EUA a Netflix conseguiu muito sucesso nesse mercado. Minha idéia é muito mais simples. Não pretendo distribuir dvds pelo correio… da uma olhada la no iBlog pra ler o paragrafo que explica a ideia. Garanto que não é perda de tempo, se for pode linchar a ideia.

  • E o cara da página de 1 milhão atingiu o seu objetivo, acabei de entrar lá e já está com a mensagem "SOLD OUT", portanto deu certo. Agora a idéia pode ser revender o seu local no site do milhão, você não comprou? Deveria ter pensado nisso antes… é tem que acreditar em idéias que parecem absurdas também.

  • Pingback: “Dicas da Web, parte V” ou “Cardoso, eu tenho uma idéia” « iBlog()

  • cardoso, tenho uma idéia absurdamente genial.

    mando pra qual e-mail teu?

    acho que dá pra fazermos um fifty-fifty animal.

    :>)

  • Eu também tenho uma idéia que pode ser aproveitada, como posso falar contigo?

  • Bom artigo Cardoso!

  • Se eu tiver uma idéia, aplico e te mando um resumo dos resultados, ok?

  • Ahaha. Se eu tivesse uma ideia genial, jamais diria, antes de botala em pratica.

  • Ótimo texto. Como disse o Nick, esse é pra pendurar na parede. Mas contém uma imprecisão. O cara da página do milhão vendia 100×100. Claro a maioria comprou quadriláteros maiores.

    A idéia foi tão genial à época que saí divulgando pra todo mundo.

  • Rômulo Cat&ati

    PS. No caso da caneta de 10 milhões a intenção era eliminar as substancias que poderiam eventualmente conduzir eletricidade, como o grafite por exemplo.

    Em suspensão poderia causar estrago nos componentes eletrônicos.

  • Cardoso, e sua fixação por plano de negócios e toda burocracia que, às vezes, atrapalham grandes idéias, onde foi parar?

  • Desafiador. Mas esta cabecinha por enquanto só pensa na monografia…
    ¬¬

  • Nem sempre

    Legal o post, mas nao concordo com a frase: "Os imitadores nunca se dão bem".

    • Dizem que a pressa é inimiga da perfeição. Pelo visto a pressa também é inimiga da interpretação de textos.

  • Pingback: Dinheirama - Conquistando dinheiro e lucrando idéias - por Conrado Navarro » Decidir, um barat()

  • guzz

    a minha só pensa na pornografia.

  • A questão é por em prática suas idéias, e a questão de ser simples ou não, não determina o sucesso. Pensou, faça! Pronto, já esta a caminho de dar certo.

  • Al Grativol

    Sabe que idéias brotam e tambem falham…não tem dia nem horário…hoje é sexta…volto segunda.

  • Olá,

    Eu sou avaliador de boas idéias, mande a sua para mim que digo se vai dar certo ou não! hehehehehe………

    • abraça…rsrsrs

  • Caros amigos. Quem tem uma idéia milionária merece pelo menos 50%. É o que eu dou.

  • Angelo Ricardo Rodri

    Aplicação decorativa em tomadas eletricas, fotos, imagens em geral. Idéia patentiada já faz um tempo, mas não sei como dar continuidade.

  • paulo

    tenho uma ideia autosustentavel que vale mais de um milhao, se alguem quiser acreditar e investir entre em contato, preciso do socio do dinheiro ja que tenho a idéia para colocar em pratica mas nao pretendo começar do nada.

  • Caraca…. puts… Acabei de ter uma idéia, ja era me aguardem…

  • renato

    tenho varias ideias, mas a burocracia para patente é tao grande que vou morrer com elas!!! por falar na pagina de 1 milhao, dizem q depois outro cara fez o mesmo processo só que vendeu 2 milhoes de pixeis e sorteou 1 milhao de dolares aos que comprarassem e ficou rico do mesmo modo…

  • Nao diga discugrio sozinho?
    ¬¬

  • euqueroaideia

    a ideia é que se aparecer uma boa ideia, manda prá mim pois eu como consumidor preciso aprovala

  • Giovani

    eu tive uma idéia para onde eu mando ?
    eu tenho essa ideia desded que eu vi esse objeto a primeira vez kkkk
    OBS : NÃO SEI SE JA PENSARAM NISSO

  • Banbanban

    Eu tenho uma ideia maravilhosa!!. Podemos todos ganharmos 30% de lucro sobre o capital investido que tal?.

  • Amanda

    Sem noção nenhuma, até parece que vou colocar a minha ideia pra vc! hahahaha

  • daniel

    amigos globais sem restrições segregação natural pela própria natureza