Há 80% de chance de que este post tome 1 hora de sua vida

A estatística acima é chutada, claro. Na verdade um monte delas é, mas não faz diferença. As pessoas não entendem a ciência da Estatística, daí temos casos como o de hoje, quando alguns dos “números de Lost” foram sorteados na loteria americana e o mundo inteiro está de piripaques, imaginando conspirações envolvendo misticismo e/ou corrupção.

Estatística não tem nada de misticismo E não tem nada de chato. Só que assim como música, se você não souber ler partituras não entende nada. Para quem é versado no idioma, uma sinfonia é ouvida. Mais um motivo pra pararem com a besteira de se espantar ao descobrir que Beethoven compôs depois de ficar surdo.

Um dos virtuosos da estatística é Hans Rosling, representante de uma nação bem edificante: A Suécia. Além de ser médico que passou anos estudando epidemias na África, Rosling é professor e estatístico. Aplica seus conhecimentos matemáticos na área de saúde, além de fazer excelentes apresentações públicas, onde destaca o conceito de visualização para entender os resultados de uma pesquisa estatística.

Um exemplo clássico: Se alguém mostrar as taxas de expectativa de vida versus PIB de todos os países do mundo, de 1800 a 2009 teremos um tabelão enorme, dizer que a Índia subiu de 25 anos em 1800 para 64 em 2009 não diz muito, no meio daquela imensidão de dados. Dizer que o Congo saiu de uma renda per capita de US$394,00 para US$359,00 parece um retrocesso, mas e se pescarmos que a expectativa de vida nesse país miserável subiu de 32 para 48 anos, mesmo com queda na renda?

Rosling fez uma apresentação usando o Trendalyzer, software desenvolvido pela Gapminder Foundation, da qual ele é diretor. Veja, são 4min38seg que mudarão sua visão sobre o estado do Mundo e o pessoal que fala dos “velhos tempos” com saudade.

 

Gostou? É, eu sabia. Calma que melhora. Rosling apresentou um documentário feito pela BBC, The Joy of Stats, onde conta a história da estatística, seu uso e como evoluiu. Meninos, eu vi. É MUITO BOM, excelente para ganhar apostas com gente que latirá dizendo que jamais veria nem 5 minutos de um programa sobre estatística. E sabem o que é melhor ainda? Está disponível para visualização no Tubo. Inteiro, completo na íntegra, 59 minutinhos. Recomendo MUITO que você assista. É fácil, use este link direto. [update] link agora funciona.

E enquanto espera buferizar, você pode brincar com o Trendalyzer, da mesma forma que o Professor Rosling. Sim, ele está disponível nas Interwebs.


O Contraditorium vive de doações. Não veiculo anúncios no blog. Somente sua colaboração me incentiva a escrever artigos cada vez melhores, sem rabo preso com anunciantes, partidos ou militâncias. Prestigie essa liberdade, faça uma doação. Use o PagSeguro no botão abaixo ou via PayPal com o email cardoso@pobox.com. Caso você tenha uma carteira PicPay,meu usuário é @carloscardoso. Caso não tenha e queira uma forma de transferir pequenas (ou grandes, de preferência grandes) quantias sem taxas, é só se inscrever. Toda moeda é bem-vinda, desde que seja de país com luz elétrica e água encanada.

Leia Também:

  • Eu apostei na Mega Sena da Virada com os números de Lost. E perdi.

  • Eu vi em Full HD quando saiu no BBC iPlayer e valeu cada minuto! Mesmo eu já achando bonito e interessante estatisticas reais, nada como um jeito mais belo e bem apresentado para atrair também quem sempre achou que não valia pra nada.

    • ps: mas o programa está disponivel foi o achado!

      ps2: flash? uma pena, ia ficar tão bonito no iPad (6)

  • André

    Excelente o vídeo do Mr. Rosling!

    Vou assistir ao documentário, agora…

    Ótimo post!

  • Leo Kitsune

    Interessante como o Brasil é estagnado até os anos 1930, depois tanto a população qto a expectativa de vida sobem absurdamente (isso se eu entendi direito o gapminder)

  • Pingback: Tweets that mention Há 80% de chance de que este post tome 1 hora de sua vida -- Topsy.com()

  • Eden Thiago

    Vi umas 3 palestras dele no Ted, ele é realmente muito bom, numa delas ele faz a apresentação sem usar qualquer slide ou algo semelhante, faz usando vasilhas, diferentes cores e tamanhos, e mostra é questão de como apresentar, não do que se usa.

  • Josue

    Tomou uma hora da minha vida. E obrigado!

  • O vídeo aparece como privado.

  • you son of a bitch, I still do not understand English, I lost a few minutes of my life.

  • Este vídeo é privado =/

    Enfim, post bem interessante, eu mesmo acho a parte de Estatística muito legal. Sei lá, chamem-me de louco, mas acho um tanto "mágico" como podemos obter dados a partir de observações, pesquisas etc. e utilizar esses valores abstratos na produção de conhecimentos valiosos.

  • Eu prefiro esse video aqui: http://www.youtube.com/watch?v=jbkSRLYSojo

  • Continuo te admirando cara.

    Abraços

  • Henrique

    vídeo privado

  • Déborah Amori

    Não consegui acessar o vídeo… Aparece como vídeo privado! :S

  • Assisti a este vídeo através de um link no Waxy Links. Muito legal.

  • Também não consegui ver, o vídeo aparece como privado.

  • Arthur Tavares

    Uma das horas mais bem gastas da minha vida.

    Também pudera, com duas cadeiras de estatística sendo profissional de TI, em algo eu iria gostar destes vídeos.

    Na informática, tudo é processo. E processos tem três partes: Entrada, Processamento e Saída.

    Hoje, as faculdades dão matemática básica e Contabilidade. Por isso, especialmente do Brasil, temos uma vastidão de empresas que fazem nota-fiscal eletrônica e outras bobagens contábeis.

    Porém, quase ninguém processa os dados com Estatística.

    Quando se usa a estatística corretamente, os resultados são, sempre, fantásticos e surpreendentes.

  • Eu tenho traumas com as ciências exatas, embora ache matemática e física maravilhosas. A culpa foi dos professores bostas que tive durante toda a vida – inclusive, nenhum deles conseguiu me fazer gostar de química, nem mesmo a professora gostosa do primeiro ano do ensino médio que usava mini-saia e decotão(também pudera, né…).

    Estatística, então, sempre corri às léguas prá longe dela – já tentei aprender alguma coisa por conta própria, mas… fuuuuuu!

    Mas, PQP!!!! Se eu (e milhares de alunos) tivessem tido aulas desse jeito a coisa seria diferente. E na verdade, nem tô falando de computador, informática, interface bonitinha em flash e por aí vai. Tô falando do professor que fica do outro lado. Todos esses recursos na mão de um professor bosta como os que eu tive também não surtiriam efeito.

    Vou ali correndo ver o outro vídeo!!!

  • Ah, e no gapminder.org tem outros vídeos interessantes, alguns com legendas (alguns só em inglês, mas já ajuda)

  • Daniel Brunelli

    O Hans refez esse video em novenbro utilizando projeção visual e ele está mais incrível ainda:

    Confiram em:
    http://www.youtube.com/watch?v=jbkSRLYSojo

    É imperdivel de verdade.

    Parte da série BBC four.

  • … dá para falar algo além de Obrigado?

  • Pingback: Os Balbinos()

  • Guilherme

    Muito bom o post ^^ pra quem quer saber um pouco de estatística recomendo o livro "O Andar do Bêbado" muito bom esse livro

  • Juliano Carlos

    Deveras bacana heim.

    Para quem se interessa por estatística e afins, sugiro a leitura do livro chamado Desafio aos Deus, a fascinante história do risco. O Livro é excelente!

  • Leonardo

    Legal post…como amigo acima tambem recomendo o livro "O andar do bebado"

  • leandrolopesp

    Comparei argentina com brasil e saiu que a vida deles lá sempre foi mais longa e com mais dinheiro.

    Engolindo o orgulho… acho que eu já sabia

  • Sérgio

    Tomou muito mais de 1 hora. Muito bom. Obrigado por compartilhar.

  • Ontem consegui começar a ver e mandar baixar. Hoje, fui reiniciar o download… Diz que o vídeo é privado! Que maluquice!

  • Existem várias palestras dele no TED.
    Essa é a melhor: http://www.ted.com/talks/hans_rosling_shows_the_b